Nova etapa da transposição do rio São Francisco é inaugurada no Ceará

Publicação: 2020-08-20 13:20:00
Mais uma etapa da transposição do rio São Francisco foi inaugurada nesta quinta-feira, 20, no Ceará. As águas do Eixo Norte foram liberadas para dois caminhos: do Cinturão das Águas do Ceará e dos reservatórios da Paraíba até a Barragem de Oiticica, no Seridó Potiguar. A inauguração teve a presença do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogerio Marinho, que acionou as comportas da barragem de Jati, na região do Cariri (CE).

Créditos: Reprodução/TwitterMinistro Rogério Marinho e parlamentares do Ceará acionaram a liberação da barragem de JatiMinistro Rogério Marinho e parlamentares do Ceará acionaram a liberação da barragem de Jati

Com a participação dos parlamentares do Ceará da bancada do governo, Marinho destacou que a liberação da barragem de Jati beneficia diretamente a região metropolitana de Fortaleza, com 4,5 milhões de habitantes, e, por outro lado, é mais um passo das águas até o Rio Grande do Norte. “Essa é mais uma etapa que avançamos para garantir a segurança hídrica à população do Ceará”, disse.

O canal abastecido pela água que sai da barragem Jati segue por um percurso de 119 quilômetros que abastecerá 10 barragens (seis no Ceará e quatro na Paraíba) e tem o destino final a barragem de Oiticica, no Seridó Potiguar. O ministro, que é potiguar, destacou que pretende concluir essa etapa ainda em 2021. “Essa é uma obra que o presidente Jair Bolsonaro quer priorizar e não vai medir esforços para a continuidade das obras”, afirmou Rogério Marinho.



A barragem Jati começou a ser abastecida pelo rio São Francisco a partir de junho deste ano e chegou a 94,8% do volume total de águas nesta última semana. São 26,3 milhões de metros cúbicos.

No caminho do Cinturão das Águas do Ceará, a água vai percorrer 53 quilômetros por canais da transposição até o Rio Salgado/Jaguaribe. Após 250 quilômetros nesse rio a água chega ao reservatório Castanhão, que abastece 4,5 milhões de habitantes.

Segundo o MDR, desde o ano passado R$ 170 milhões foram investidos no canal do CAC. As obras foram executadas pelo governo estadual do Ceará, mas o governador Camilo Santana (PT) não esteve presente na abertura do reservatório de Jati nesta quinta-feira.










Leia também: