Nova revelação das bases, troca o ABC pelo Ceará

Publicação: 2020-09-23 00:00:00
Ainda na luta para diminuir a crise financeira que a equipe vem enfrentando, com um déficit projetado em R$ 33 milhões, segundo levantamento realizado pelo conselheiro do clube, Bira Rocha. O ABC vem se desfazendo de suas jovens promessas visando cumprir com os compromissos assumidos, a última negociação foi confirmada ontem, envolvendo o garoto Jordan, de 17 anos, que teve 60% dos direitos econômicos vendidos ao Ceará. Antes a direção alvinegra já havia negociado Jeferson Vinícius para o Grêmio.

Créditos: Rennê CarvalhoAtacante Jordan ficou só 35 minutos em campo pelo AlvinegroAtacante Jordan ficou só 35 minutos em campo pelo Alvinegro

O jovem atacante vinha despertando interesse de alguns clubes do futebol brasileiro e depois de todas as propostas, o negócio foi fechado com o Alvinegro cearense, que permitiu ao clube potiguar permanecer com 40% dos direitos sobre a sua jovem promessa, que que foi encarado como o melhor caminho a seguir pelo presidente abecedista, Bira Marques.

Se em princípio perdeu em termos de valores, por não concordar em se desfazer 100% do jogador, futuramente, em caso de uma nova negociação, o ABC poderá conseguir um valor maior que o obtido hoje com a transferência do atacante. Jordan nasceu em Fortaleza e antes de se transferir para o clube potiguar atuou pela equipe sub-20 dos Anjos do Céu.

Pela equipe principal do ABC, em 2020, o treinador Francisco Diá utilizou o atleta em três oportunidades, duas no Campeonato Estadual e uma na Copa do Nordeste. No total ele esteve em campo com a camisa alvinegra por 35 minutos.