Nova tarifa de ônibus entra em vigor segunda

Publicação: 2017-04-20 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O aumento da passagem do transporte coletivo em Natal será aplicado apenas na próxima segunda-feira (24). A informação foi confirmada pela Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU), na manhã de ontem (19). A passagem de ônibus irá aumentar dos atuais R$ 2,90 para R$ 3,35. Anteriormente, a STTU havia informado que o aumento seria aplicado já nesta sexta-feira (21).
Valor atual da tarifa de ônibus, R$ 2,90, é o terceiro menor entre as capitais brasileiras e o menor entre as capitais do Nordeste
De acordo com a pasta de Mobilidade Urbana, o reajuste de 15,52% aguarda a sanção do prefeito de Natal, Carlos Eduardo, ser publicada no Diário Oficial do Município. A publicação está prevista, segundo a STTU, somente para a segunda-feira (24).

O aumento da passagem foi definido na manhã de ontem (18), com folga por 16 votos, entre os 21 registrados (dos 30 possíveis), durante reunião extraordinária do Conselho Municipal de Transporte e Mobilidade Urbana. O índice de reajuste aprovado considera a inflação acumulada nos últimos 12 meses (4,01%) e a projeção salarial reivindicada pela categoria – cuja data base é 1º de maio.

Outros dois valores foram postos em votação: R$ 3,30, que recebeu três votos; e a proposta de R$ 3,50 apresentada pelo Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn), que recebeu dois votos: um do próprio Seturn e outro da Transcoop – Cooperativa de Transporte Autônomo de Natal, que opera as linhas opcionais.

Contrapartidas

O reajuste concedido pela Prefeitura de Natal foi atrelado a três contrapartidas: as empresas que operam o sistema terão que implantar 100 novos abrigos para paradas de ônibus, além de disponibilizar online os dados da bilhetagem e a localização por GPS de toda a frota.

No final de janeiro, o Seturn chegou a solicitar aumento da tarifa para R$ 3,40, e no início de abril para R$ 3,50, alegando urgência devido o desequilíbrio financeiro das empresas e a proximidade da data base dos rodoviários. Para Nilson Queiroga, consultor técnico do Seturn, “a Prefeitura perdeu uma grande oportunidade de restabelecer o equilíbrio econômico das empresas que operam a sistema de transporte urbano em Natal”.

Como resposta, na ocasião das solicitações, a STTU informou que só iria tratar do assunto após o resultado da segunda sessão licitatória do sistema de transporte coletivo. Porém, como não houve nenhuma empresa interessada, o Município admitiu o reajuste. “Infelizmente, como não houve licitação, teremos que autorizar o reajuste para o sistema continuar funcionando”, afirmou a secretária Elequicina dos Santos.

Adiamento
STTU informou que o reajuste de 15,52% aguarda a sanção do prefeito de Natal, Carlos Eduardo, prevista para ser publicada no Diário Oficial do Município da segunda-feira (24). Por isso, o adiamento. Previsão inicial era de que reajuste entrasse em vigor amanhã.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários