Novo tremor de 3.2 graus é registrado em Pedra Preta

Publicação: 2013-10-29 16:20:00 | Comentários: 0
A+ A-
Um novo tremor de terra foi sentido nesta terça-feira (29) pela população de Pedra Preta, interior do Rio Grande do Norte, a 149 quilômetros de Natal. O evento foi registrado às 12h17 de hoje pelo Laboratório Sismológico da UFRN (LabSis/UFRN), responsável por monitorar os tremores que ocorrem no nordeste do Brasil. A magnitude do evento foi de 3.2 graus na escala Richter, considerada pelos pesquisadores como sendo pequena no geral, mas média para o histórico do estado.

A atividade sísmica no município vem se manifestando há três anos com fases, segundo o laboratório, de alta e baixa atividade. A atual fase é considerada como de alta atividade e teve início nesta sexta-feira (24) com um único tremor sentido em diversos bairros da capital de 3.7 graus na escala Richter, sucedido por um segundo de 3.3 graus e outros quatro de magnitudes distintas abaixo dos 2.5 graus.

No dia do tremor de alta intensidade, moradores do município relataram que o abalo teria derrubado objetos dentro das casas e que rachaduras haviam se formado nas paredes após o evento. Já os natalenses disseram que também sentiram o tremor com “espelhos se mexendo sem vento” e “prédios balançando”. Os comentários se concentraram em bairros da zona Sul como Ponta Negra e Lagoa Nova, mas também no Barro Vermelho.

Segundo o coordenador do LabSis/UFRN, Joaquim Ferreira, o evento é cíclico. "Há muito tempo, desde dezembro de 2010, que vem acontecendo essa atividade na região. Neste ano mesmo, alguns meses já tiveram atividade sentida em Pedra Preta e agora tivemos esses tremores mais fortes. Não podemos fazer conclusões porque a atividade foi intensa em 2010, então pode voltar a acalmar ou podem aumentar. Ninguém tem como prever", disse o coordenador em entrevista na última sexta-feira.

Fim de semana
 
De acordo com o LabSis/UFRN, novos tremores de terra  foram registrados também no final de semana e nesta segunda-feira em Pedra Preta. No sábado e no domingo foram contabilizados 114 tremores, sendo a maioria de baixa intensidade, e 41 foram registrados ontem.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários