Novo voo charter conecta Natal a Amsterdã a partir desde domingo, 3

Publicação: 2019-11-03 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O Rio Grande do Norte e a Holanda agora estão separadas por apenas algumas horas de voo. O terminal potiguar dará início à operação do voo charter direto para a capital holandesa, Amsterdã, neste domingo, 3. O voo será operado pela companhia aérea turca Corendon Airlines. Estima-se que os turistas que irão desembarcar em Natal movimentem cerca de R$ 56,6 milhões na economia potiguar ao longo dos seis meses de operação do voo.

Comitiva formada pelo prefeito de Natal, Álvaro Dias, e presidente da Fecomércio/RN, Marcelo Queiroz, comandaram negociações
Comitiva formada pelo prefeito de Natal, Álvaro Dias, e presidente da Fecomércio/RN, Marcelo Queiroz, comandaram negociações

A operacionalização do avião  737-800 da Corendon acontecerá todos os domingos, chegando ao Aeroporto Internacional Gov. Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, às 15h35 e partindo às 16h35. A partir do dia 19 de dezembro a companhia aérea aumentará a frequência incluindo voos também às quintas-feiras, nos mesmos horários de chegada e partida. O avião tem capacidade para 160 passageiros e a previsão do tempo de voo é de cerca de nove horas.

O voo charter, ou seja, temporário, fará a última operação no Aeroporto de Natal em 29 de março de 2020. Mas existe a possibilidade de ampliarem a permanência da frequência de acordo com a demanda.

 A expectativa de Ibernon Martins, superintendente do Aeroporto Internacional Gov. Aluízio Alves, é uma movimentação ainda maior, principalmente na alta temporada. “Estamos prontos para receber os turistas europeus. Natal tem diversas oportunidades de turismo e cheio de belezas naturais. Nossa equipe está pronta para recepcioná-los”, destaca.

Os passageiros do primeiro voo serão recepcionados com uma ação promocional organizada pelo Aeroporto, Corendon, Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), Secretaria de Turismo do Estado do Rio Grande do Norte e o trade turístico local.

Em janeiro deste ano, uma comitiva potiguar visitou a Holanda para negociar o voo.

“Segundo estudos do Instituto de Pesquisa da Fecomércio RN (IPDC), cada turista internacional gasta, em média, R$ 343,47 por dia no Rio Grande do Norte. Mas este é o valor gasto pelo turista que nos visita hoje, em sua maioria oriundo da Argentina e de outros países da América Latina. Já no caso dos europeus que a Corendon levará, de acordo com dados da ABIH, o gasto médio diário, incluindo hospedagem, sobe para algo em torno de 190 euros por turista (R$ 874). Isto quer dizer que ao longo dos seis meses de operação do voo, estes visitantes deixem aproximadamente R$ 56,6 milhões na economia potiguar”, afirmou o presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz.

 Como contrapartida para viabilizar o voo, a Corendon pediu um aporte de 300 mil dólares, que estão sendo utilizados para a divulgação do destino Natal nos mercados em que a companhia atua. Deste montante, 100 mil dólares foram investidos pela Prefeitura de Natal e 200 mil dólares pelo Governo do Estado. De sua parte, a iniciativa privada, além de ter feito todos os contatos, está entrando com tarifas de diferenciadas para os hotéis como forma de viabilizar a parceria.

 O prefeito de Natal, Álvaro Dias, fez questão de destacar, em visita a Holanda em janeiro deste ano, a importância do investimento que a Prefeitura  realizou e o impacto esperado na economia da cidade. “Natal é um destino muito bem aceito entre os europeus. Nossas águas quentes e o sol o ano inteiro são um convite irrecusável aos turistas dessa parte do mundo. Tenho certeza de que o voo será um sucesso e que teremos muitos outros desdobramentos desta ação”, afirmou o prefeito.

 A secretária de Turismo do Estado do Rio Grande do Norte, Ana Maria Costa, declarou na ocasião que a conquista do voo é um primeiro passo importante para resgatar os tempos áureos do turismo potiguar. “Os voos charteres, sobretudo da Europa, já foram pilares do nosso turismo. Tenho certeza de que este será o embrião deste resgate. No que depender do Estado, estaremos sempre juntos da iniciativa privada e de entidades como a Fecomércio para somar forças e fazer nosso turismo cada vez mais forte”, disse.

 O CEO da Corendon, Steven Van Der Heijden, destacou as belezas do RN na ocasião. “Estive no Rio Grande do Norte apenas uma vez, há cerca de 35 anos e, na época, fiquei muito bem impressionado com as belezas de Natal e de Pipa. Irei no voo inaugural e tenho certeza de que voltarei com muitas coisas boas para passar aos nossos clientes”, afirmou.





continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários