O novo reduto da Bella Napoli

Publicação: 2017-01-06 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Após 32 anos no Tirol, o restaurante Bella Napoli mudou de endereço e voltou às origens: a casa está agora em Ponta Negra, o mesmo bairro onde nasceu em 1975, fundada pelo italiano Vincenzo Giorgio. A cantina pioneira em Natal mudou de localização, mas conservou  algumas qualidades que embalam o paladar do notívago natalense há gerações: as massas, o horário extenso, e a música do pianista Manoel.
Alex RégisAgora sob o comando de Luigi Giorgio, Bella Napoli Ponta Negra mantém algumas características: o horário estendido, o piano de Manoel e as massas tradicionaisAgora sob o comando de Luigi Giorgio, Bella Napoli Ponta Negra mantém algumas características: o horário estendido, o piano de Manoel e as massas tradicionais

“Muitos fatores estavam indicando que a gente teria de mudar, mesmo sendo um endereço tão tradicional”, diz Luigi Giorgio, filho de Vincenzo, agora à frente do negócio. O velho sobrado da cantina era alugado, e o proprietário tinha outros planos para ele. “Ponta Negra é um território que a gente já conhece, pois viemos daqui. Além do mais, é um bairro que oferece alcance turístico, coisa que não tem no Tirol. Era hora de mudar de ares”, explica. A mudança ocorreu em dezembro do ano passado.

O novo Bella Napoli está agora num amplo espaço térreo – bem maior que o antigo -, um salão único e arejado que comporta até 150 pessoas. De quinta a sábado, a cantina funciona no horário diferenciado que fez sua fama, indo até o sol raiar – até hoje uma raridade em Natal, alegria dos boêmios que estendem a noitada até a madrugada. “A nossa clientela antiga já aprovou o novo espaço. E gente nova tem aparecido”, afirma Luigi. São também os dias em que o pianista Manoel embala os notívagos. É a trilha sonora oficial da casa.
Alex RégisAs tradicionais massas do Bella NapoliAs tradicionais massas do Bella Napoli

O cardápio também se manteve o mesmo. Pratos muito bem servidos para duas ou até três pessoas, massas finas, temperos caseiros, e pizzas: tudo ainda está lá. Começando pelas entradas, tem carpaccio, tábua de frios, ostras (natural, gratinada e ao vinagrete), bolinho de bacalhau, entre outros. Entre as pizzas, sabores de atum, marinara (marisco, ostra, camarão, polvo), calabresa, marguerita, Bella Napoli (frango e presunto), e até uma vegetariana (rúcula, brócolis e champignon).

A variedade de massas é grande. Entre elas estão os fettuccines a 4 queijos e à parisiense (frango, presunto, ervilha, molho branco); nhoque à bolonhesa; a lasanha da casa; penne com camarão refogado no alho e azeite; rondelle Don Vincenzo (recheado com frango e presunto), espaguete al cartoccio (frutos do mar ao forno), etc. De carnes tem filés à parmegiana, al panda (empanado com mussarela e nhoque gratinado), escalope à pizzaiola (filé fatiado ao molho de tomate com ervas e espaguete), entre outros.
Alex RégisLuigi Giorgio assume o comando do Bella Napoli Ponta NegraLuigi Giorgio assume o comando do Bella Napoli Ponta Negra

Apreciadores de frutos do mar contam com peixes ao molho de camarão, belle meuniere, e grelhado; entre os crustáceos lagosta flambada no vinho branco e gratinada ao forno, e a lagosta gligliata (inteira e temperada na grelha), camarões à grega, no catupiry e internacional. Há também aves, petiscos, e sugestões especiais. Luigi avista que até o fim de janeiro a casa também abrirá para almoço, oferendo um menu de pratos executivos a preços mais acessíveis.

Serviço:
Bella Napoli. Av. Praia de Jenipabu (na rua ao lado do Praia Shopping), Ponta Negra. Aberto de quarta a domingo para o jantar. Tel.: 3219-3448/3222-9964. 

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários