O Parque do Povo de portas abertas

Publicação: 2018-05-18 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Que a população é carente de espaços públicos dedicados ao lazer em família e à prática de esportes, isso não é novidade. São poucas opções nessa área. Mas de vez em quando, surge uma novidade. A boa nova da vez é o projeto “Domingo no Parque”, que estreia neste domingo, no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, BR-101, abrindo suas portas das 7h às 18h, e apresentando uma programação voltada para a família.

O bonito parque de exposições Aristófanes Fernandes vai estar disponível para a população. O local passou por adaptações para receber o projeto, como ciclofaixa e sinalização
O bonito parque de exposições Aristófanes Fernandes vai estar disponível para a população. O local passou por adaptações para receber o projeto, como ciclofaixa e sinalização

O projeto é uma iniciativa da Associação Norte-Rio-Grandense de Criadores (Anorc) e do Governo do Estado, através da Secretaria Estadual da Agricultura, da Pecuária e da Pesca, e será realizado semanalmente, sempre aos domingos.  A entrada no Parque custa R$2,00 para o público geral; e é gratuita para crianças de até 12 anos de idade e idosos. A entrega de 1 quilo de alimento é opcional. E o estacionamento custa 10,00 (acesso pelo portão 2 (lateral do parque).

Segundo a arquiteta Esther Assunção, coordenadora do Domingo no Parque, a programação contempla aulas quinzenais de zumba, treino funcional e pilates, oficinas diversas realizadas pelo Senar, como fabricação de iogurte e queijo, primeiros socorros e plantio de mudas. Nesse dia, estará liberada a entrada de cachorros de pequeno e médio porte, bicicletas, patins, skate e patinete.

Uma das atrações que costuma atrair a atenção da criançada é a Fazendinha; sucesso na Festa do Boi e que agora estará aberta todos os domingos de projeto, com ovelhas, pintinhos, vacas, cabras e bodes. “Além disso, o visitante poderá passear de pônei, alugar patins ou bicicleta, fazer visitação na área de peixes ornamentais”, comenta Esther Assunção.

O Parque Aristófanes Fernandes passou por algumas adaptações para receber o projeto, como delimitação da ciclofaixa, instalação de novas placas de sinalização e instalação de piso de madeira no tartesal para apresentações artísticas.

Na parte gastronômica, uma área com food trucks e ainda o restaurante da Anorc, aberto para café da manhã e almoço, com pratos da culinária regional.

Integração e ocupação urbana
Há tempos o Parque Aristófanes Fernandes vinha sendo usado apenas para a realização da Festa do Boi e de outros eventos ligados ao agronegócio. O presidente da Anorc, Marcelo Passos, comenta a história longeva do parque e que, com o passar dos anos, com avanço da zona urbana, o local tornou-se uma área urbana supervalorizada ao meso tempo em que a população de Parnamirim buscavam um espaço público para atividades físicas e lazer.

A Fazendinha da Festa do Boi será permanente, com ovelhas, pintinhos, vacas, cabras e bodes
A Fazendinha da Festa do Boi será permanente, com ovelhas, pintinhos, vacas, cabras e bodes

“Acredito nesse produto e nessa integração entre moradores de Parnamirim e Natal. O parque é um pouco do campo dentro da cidade. É fechado, seguro e muito arborizado. Estou muito feliz com esse projeto”, comenta Marcelo Passos, acrescentando ainda que adaptações e melhorias serão feitas de acordo com o uso e as necessidades que eventualmente surjam.

A intenção é que o projeto tenha vida longa, com pausas apenas no período da Festa do Boi, quando não será realizado quinze dias antes e quinze depois do evento.

Um pouco de história
A história do Parque Aristófanes Fernandes começou no ano de 1949, quando surgiu como “parque de vaquejadas” de Parnamirim. Em 1953, o então governador Sílvio Pedroza implantou os primeiros galpões em alvenaria e dois anos depois a área passou a ser conhecida como “Parque de Exposições”, com a  primeira mostra de animais e máquinas agrícolas sendo realizada em 1956.

O governador que viria a seguir, Dinarte Mariz, promoveu mais algumas benfeitorias na estrutura e no ano de 1961, já no governo Aluízio Alves, o parque recebeu a primeira grande reforma, assumindo as dimensões atuais e a homenagem a Aristófanes Fernandes, político nascido em Santana do Matos.

Em 1978, o governador Tarcísio Maia modernizou as instalações do parque para realização da “Exposição Nacional da Raça Guzerá”. O evento deu um novo impulso à pecuária potiguar, que passou a ocupar, em poucos anos, uma posição de destaque na composição do rebanho nacional desta raça.

Na década seguinte, durante a gestão do governador José Agripino, as exposições anuais passaram a ser chamadas de “Festa do Boi”.

Palhaços são atrações na estreia do Domingo no Parque
Palhaços são atrações na estreia do Domingo no Parque

Serviço:
Projeto “Domingo no Parque”. Todos os domingos no Parque Aristófanes Fernandes, BR-101, Parnamirim.

Estreia neste domingo, 20, das 7h às 18h. Entrada: E$2,00. A entrega de 1 quilo de alimento 
é opcional. E o estacionamento custa 10,00 (acesso pelo portão 2 (lateral do parque).

Informações: 99456 8870.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários