Alex Medeiros
O poeta herói do seu povo
Publicado: 00:00:00 - 31/07/2021 Atualizado: 22:49:26 - 30/07/2021
Alex Medeiros 
alexmedeiros1959@gmail.com

Num dia como hoje em 1843 nasceu o poeta austríaco Peter Rosseger, filho de uma família de pequenos fazendeiros. O menino cresceu brincando na floresta da província de Estíria e entrou na adolescência com a saúde fragilizada, o que o impediu de trabalhar na agricultura com os pais. Foi ser aprendiz de alfaiate e jornaleiro, enquanto consumia os livros que podia ter acesso. Talvez ele tenha sido o primeiro jornaleiro que virou jornalista e a partir daí também um poeta.

Os primeiros poemas que o jovem Peter escreveu, alguns com publicação em jornal, fizeram dele um filho pródigo do lugar, e isso lhe rendeu uma bolsa de estudos. Aos vinte e poucos anos, publicou uma volumosa obra que abriu as portas do mundo acadêmico e das vitrines literárias da capital Viena. Tornou-se um dos grandes poetas da Áustria e viveu sendo tratado como herói do povo de Estíria. Por muito pouco ele não ganhou o Nobel, em 1913, aos 70 anos. Seguem dois poemas (escritos no século 19) de Peter Rosseger:

O outro também é você
Aquilo que uma vez a Terra me deu
agora ela está pedindo de volta;
vem pegar o que ela tinha concedido,
agarrando pedaços ponto a ponto.

Estranho: quanto mais feridas carreguei
tanto mais beleza a Terra me mostrou;
o que eu ganhei, ganhos de mérito,
caem suavemente da minha mão.

E quanto mais leve estou ficando,
tanto mais eu me movimento:
você não pode, em sua forma úmida,
poupar-me, Terra? Eu imploro, diga!

'Não, eu não posso poupá-lo, irmão,
preciso de você para o outro;
de você vou alimentar o outro:
deixe o outro também ver o Sol.

Poema para o ano novo
Um pouco mais de paz, um pouco menos de debate,
um pouco mais de gentileza, um pouco menos de ódio,
um pouco mais de amor e esqueça o ciúme,
e mais da verdade - agora isso nos liberta!

Não tanto de luta, mas de paz para prosseguir,
não tanto de mim, mas um pouco mais de você,
não medo nem desânimo, mas mais iniciativa
e força para agir - isso seria sensato!

Sem tristeza e escuridão, mas luz, deixe-nos mostrar,
nenhum desejo ardente, mas um alegre desapego,
com muito mais flores para iluminar o destino,
e não apenas em cemitérios - pois será tarde demais!

Divulgação


Chapas
Numa confraria de discussões políticas, elencaram chapas majoritárias para enfrentar Fátima: Álvaro-Rogério, Carlos Eduardo-Fábio, Álvaro-Carlos Eduardo, Tomba-Fábio Faria, Styvenson-Sergio Leocádio, Girão-Beto Rosado.

Invasões
Durante a live do presidente Jair Bolsonaro, o sistema de segurança cibernética que opera para o governo federal registrou e interceptou 2.687 tentativas de invasão, oriundas de BSB, SP, RJ, Índia, China e Paquistão.

O Centrão
O PT governou o tempo todo com o Centrão dando sustentação no Congresso, até que as tropas aderiram ao impeachment de Dilma Rousseff, mesmo mantendo os cargos e as verbas ofertados por Lula desde o primeiro governo.

Apoio
Por mais que a militância petista critique o Centrão, Lula não vai alimentar isso, porque já começou a conversar com os velhos aliados. Já trocou figurinhas com Gilberto Kassab, Kátia Abreu, Marcelo Ramos e Paulinho da Força.

Indícios
O maridão recebe a informação que está tomando galho, depois flagra a madame saindo do motel, só que como não viu e nem tem imagens da traição, não poderá acusar a companheira de tê-lo traído. Não há provas, só indício.

Indícios 2
Tanto o ministro Luís Roberto Barroso quanto os três grupos de mídia que combatem as narrativas de Jair Bolsonaro, deram importância à live. O perfil oficial do TSE nas redes sociais acompanhou tudo postando os contraditos. 

Blog
O que pode a força da audiência monstruosa do TN Online. Com apenas uma semana no ar, entre os dias 21 e 27, o blog Alex Medeiros registrou mais de 2 mil usuários acessando as primeiras notas postadas. E vida que segue.

Guiomar 2
Alguém narre ao surfista Gabriel Medina a carreira gloriosa do craque Didi, melhor jogador da Copa do Mundo de 1958 e maestro do Real Madrid. E depois fale sobre como muita coisa deu errado com a interferência da Guiomar.








Os artigos publicados com assinatura não traduzem, necessariamente, a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.








Leia também