O ser humano no centro da moda

Publicação: 2019-10-16 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Augusto Bezerril
Colunista de moda *

São Paulo - A moda redescobre o humano e o impacto da tecnologia sobre a vida e a ética do consumo entram no alvo da moda. A reflexão sobre como os padrões e verdades de estilo impactam na saúde mental e ética do consumo são temas inseridos e debatidos na edição 48 da São Paulo Fashion Week, que abriu segunda-feira em São Paulo. O humano, a tecnologia e  o futuro das cidades e do planeta se converteram em tendência principal do setor. É hora de refletir.

Mostra Humanx provoca reflexão sobre real e virtual na SPFW
Mostra Humanx provoca reflexão sobre real e virtual na SPFW

O projeto Estufa, um dos pilares da principal semana de moda do Brasil, inaugurou a exposição Huamanx — Todas as perspectivas são possibilidades alternativas. Já o projeto Free Free, desfile agendado para esta quinta-feira, promete ir além de simplesmente incluir diversidade ao casting, mas propor uma ideia de moda ligada ao cuidados, às variantes como saúde mental e ética do consumo.

O desfile de abertura da SPFW, noite de segunda-feira, aconteceu na praça em frente ao Farol Santander, cartão postal de São Paulo e símbolo da revitalização da região central da cidade.

O Arena Santander voltou a receber profissionais de moda e estilo durante apresentação da Exposição Humanx, com a presença de Graça Cabral -  Diretora do In-Mod, Paulo Borges e Martini, idealizado do projeto voltado para reflexão sobre o impacto da tecnologia sobre  a interação entre humanos.

"A verdade não existe", disse Roberto Martini, fundador da FlagCX,  a exposição, em cartaz no Parque do Ibirapuera, propõe uma experiência virtual em terceira de dimensão, na qual o visitante se defronta com diferentes formas estéticas. 

 Durante entrevista coletiva, Roberto Martini explicou o trabalho desenvolvido pela FlagCX,  uma holding de disrupção criativa com mais de 20 empresas que inovam em áreas como publicidade, marketing e tecnologia. Martini aponta que a velocidade dos avanços tecnológicos sente o ritmo da legislação. A inteligência artificial conseguiu criar uma música póstuma, com base no repertório do rapper Sabotage, de modo tão preciso que a família do autor, morto há 12 anos, reconheceu  a autoria.

Realidade virtual e grafite nas cores Sherwin-Wiliams
Realidade virtual e grafite nas cores Sherwin-Wiliams

"Eu não sou a chave, eu quero o segredo", parece criação real, mas nasceu do estudo da  narrativa semântica do rapper. A teoria de Lacan sobre a verdade do "sujeito" é uma das verdades sugestionadas pela pesquisa. "Sim, Lacan é o lugar", diz. Na São Paulo Fashion Week, Martini instiga sobre o desejo individual, aceitação e pertencimento. O autoconhecimento é uma conexão ou senha para o consumidor de moda descobrir se a direção do desejo é interior, própria da pessoa, ou exterior - estimuladas por impulsos visuais. Por que a reflexão é importante? A tendência de proliferação de "verdades" só tende a crescer no mundo virtual." A  HumanX é um ensaio sobre as novas realidades sobrepostas que nos desafiam a interpretar o conceito do que é real, do que é verdadeiro, do que é humano", diz Martini.

Espaços
Além do lounge grafitado a partir da cartela de cores, a Sherwin-Williams preparou um ação interativa, com realidade virtual, na São Paulo Fashion. Com ajuda do aplicativo ColorSnap, que estará na versão de totem para os usuários poderem testar as cores da marca em um espaço criado especialmente para a ativação. “Com o nosso app, os visitantes conseguem testar os tons, fazer combinações e ver a pintura do ambiente em tempo real. O ColorSnap é gratuito e está disponível para Android e iOS. Além disso, no dia a dia, possibilita relacionar as cores das fotos contidas no celular e com as nossas cores, facilitando a execução de obras ou em casa mesmo para mudanças ou reformas”, conta Fecci. 

Ellus apresenta looks utilitários com preocupação ambiental
Ellus apresenta looks utilitários com preocupação ambiental

Reformar é criar
A autoralidade do consumo não se revela apenas por meio da tecnologia, o  projeto Free Free deve reunir, quinta-feita,  estrelas como Sabrina Sato e Ju Ferraz - colunista da Vogue e fundadora do Fita Métrica.

Jornalista baiana, Ju ganhou visibilidade em compartilhar experiência sobre escolhas adequadas ao biotipo e fiéis ao estilo de vida. A estilista potiguar Helô Rocha, diretora criativa da Le Lis Blanc, e Reinaldo Loureço cederam peças do acervo para ganharem novos significados a partir da liberdade e dos princípios de sustentabilidade e economia circular. Criado pela stylist Yasmine Stérea, o Free Free nasceu do intuito de fazer que "meninos e meninas não tenho culpa, medo, vergonha, de serem quem são.

Centro
A edição 48 da SPFW começou, domingo (13/10),  numa das "novas praias paulistanas': o Farol Santander. A Ellus escolheu o local, onde há coreto, quiosques de engraxates e ponto de convergências de artistas, como cenário da apresentação do verão 20. Algumas coisa acontece no meu coração, cantava a neodiva Majur - enquanto os modelos davam voltas pela praça - em frente ao icônico prédio cartão postal de Sampa. As ondas cinza da estamparia em nada lembra os vestidos ombro-a-ombro e saias rodadas antevistas como hits do verão. A praia da Ellus tem pé no urbano, embora, tenha sentido sustentável. Adriana Bozon - diretora critativa - aposta em elementos da vida real: bolsos em jaquetas, coletes, bermuda cargo e sobreposições de pochetes e/ou mochilas num quase camuflado. Como é sabido que tem chuva de verão, o nylon volta em sentido do impermeável. E as parkas fazem dão vontade de tomar banho de chuva. As peças em moletom tem passe certo para usar em dia frio na praia e na real praia urbana da vida.  A cartela de cores tem preto e branco, cinza, caqui, verde e pontos de laranja. O desfile desdobra o movimento #elllusdomore. A Route - projeto voltado para preservação do meio ambiente no Rio de Janeiro e Fernando de Noronha, integra o movimento da Ellus. A grife deve lançar, em novembro, ação em parceria com o refrigerante Guaraná em prol da Amazônia


*O jornalista viajou a convite da SPFW





continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários