Obama se torna arrecadador para Biden

Publicação: 2020-07-31 00:00:00
A+ A-
WASHINGTON (AE) - O ex-presidente dos EUA Barack Obama arrecadou US$ 24 milhões para a candidatura do democrata Joe Biden à presidência nos últimos dois meses. O valor é cerca de 10% do que a campanha do ex-vice-presidente informou ter em caixa em seu último balanço.

Em uma conferência virtual na terça-feira, que teve a participação do ator George Clooney, ele vendeu ingressos que variaram de US$ 250 (R$ 1,3 mil) a US$ 250 mil (R$ 1,3 milhão).

Nesses eventos online de arrecadação, Obama tem feito ataques a Donald Trump argumentando que o que estará em jogo nas eleições, marcadas para novembro, é a própria democracia americana, fazendo até referências sutis à Alemanha nazista.

Doadores que pagaram quantias de seis dígitos para ver Obama no Zoom - o ex-presidente teve dois encontros particulares com Reid Hoffman, fundador do LinkedIn e um grande doador democrata, e JB Pritzker, o bilionário governador de Illinois - participaram de longas sessões de perguntas e respostas com ele.

Durante sua conversa com Pritzker, Obama falou sobre como Trump tem sua base eleitoral "colada à Fox News, à Breitbart (News) e a (Rush) Limbaugh (radialista)", veículos ou comunicadores de direita ou extrema direita.