Os peixinhos das cavernas indianas

Publicação: 2020-02-16 00:00:00
A+ A-
Alex Medeiros
alexmedeiros1959@gmail.com

A baleia azul, a arraia gigante e o tubarão-baleia ocupam as primeiras posições no ranking das maiores criaturas dos mares e oceanos. Mas quem são os maiores animais em ambientes de água doce? A resposta a essa pergunta passa pelos rios, lagos e outros habitats aquáticos de água doce no sudeste da Ásia, onde se escondem peixes enormes e outras espécies de grandes dimensões.

No entanto, em cavernas e ambientes subterrâneos, devido à escassez de alimentos, as mesmas espécies são geralmente menores. No caso da família do Amblyopsidae, comumente conhecido como peixe de caverna, a maioria não excede 10 centímetros de comprimento. A exceção está num estudo publicado em novembro passado na revista especializada Cave and Karst Science.

Especificamente, o trabalho revela que as cavernas de Megalaya, localizadas no nordeste da Índia, abrigam peixes de 30 centímetros de comprimento que pesam dez vezes mais que o restante dos peixes conhecidos. Obviamente, como em outras espécies, esses peixes não têm olhos, porque a cegueira lhes permite economizar energia.

Os peixes das cavernas, das quais existem cerca de 250 espécies, vivem, como o nome sugere, em cavernas ou ambientes subterrâneos e se adaptaram completamente à vida no escuro; portanto, além de cegos, carecem de qualquer tipo de pigmento na pele.

Espécimes recentemente descobertos foram encontrados no ano passado por um grupo de pesquisadores durante uma expedição à caverna Cympe, que é a quinta maior de todas na Índia. Os especialistas haviam colocado na caverna, a mais de 90 metros da superfície, câmaras subterrâneas para estudar a biodiversidade do enclave.

O trabalho publicado reúne informações sobre como esses peixes mantêm o tamanho do corpo, o que comem e como se adaptaram à vida sem luz. Nesse sentido, os pesquisadores apontam que os peixes se alimentam da vegetação que é arrastada pela chuva - que chega a inundar completamente a caverna durante a estação chuvosa - e dos excrementos dos morcegos do lugar.

Há alguns dias, o mesmo grupo de especialistas que descobriu esses peixes no ano passado retornou à caverna de Cympe para colher amostras de diferentes espécimes. Seu objetivo é sequenciar seu genoma, porque apenas o conhecimento de sua identidade biológica será possível para garantir que se trata de uma nova espécie.

No momento, os pesquisadores afirmam que esses peixes estão intimamente relacionados a outras espécies de água doce ameaçadas, como o “masheer”, que não vive em cavernas ou águas subterrâneas, mas também é bastante grande. A descoberta é como se aparecessem gatos do tamanho de leões.

Créditos: DivulgaçãoMergulhadoresMergulhadores


Casamento
Até agora, nada de comentários e debates indignados nas bancadas da GloboNews e CBN sobre a sentença de Vladimir Putin. O russo disse que casamento é homem com mulher e pronto. Se fosse Trump, era um chororô.

Militares
Dos 22 ministros de Jair Bolsonaro, 9 são militares, um número que proporcionalmente é maior do que as pastas ocupadas no regime militar. O último general a comandar a Casa Civil foi Golbery, o mago da abertura.

Gênio
O general Golbery do Couto e Silva ficou na Casa Civil de João Figueiredo até 1981. Anos antes, quando arquitetava a redemocratização, ganhou de Glauber Rocha o epíteto de “gênio da raça”. A esquerda ficou irada com o cineasta.

Tatuagens
A expansão do radicalismo ideológico e dos confrontos pessoais entre antagonistas já tem uma simbologia no passeio público nacional. Pessoas exibindo abertamente tatuagens com símbolos nazistas e comunistas.

Ficção
Após a instigante série “Impulse”, lançada em 2018 e liberada para todo mundo no ano passado, o YouTube disponibilizou mais uma de ficção científica. Está no ar e com acesso gratuito “Origin”, também produzida nos EUA em 2018.

Maratona
As séries nos serviços de streaming criaram um novo perfil de usuários: os compulsivos, que param os afazeres para acompanhar temporadas inteiras ininterruptamente. Eu estou vendo Mad Men a conta-gotas, pra não acabar.

Valsinha
Chico Buarque e Fagner, dois monstros da MPB, nunca foram aproximados politicamente, pelo contrário. Mas na liturgia musical, não há sectarismo. O cearense fez uma belíssima interpretação do clássico de 1971 do carioca.

Ugo Vernomentti
Em Natal para cobrir o carnaval para o Chicago Tribune, o velho anarco-capitalista ligou pra falar de uma nova tese: “colunista, li nuns alfarrábios que quando surgiu o casamento, logo surgiram os cabarés, coisa de casados”.

Futebol TV e rádio
O domingão da bola começa cedo com Flamengo x Atlético-PR, Aston Villa x Tottenham, Juventus x Brescia, Sampdoria x Fiorentina, Köln x Bayern, todos entre 8h e 11h. Depois segue Arsenal x Newcastle, Lazio x Inter, Real Madrid x Celta, Palmeiras x Mirassol, Ferroviária x Santos, Potiguar x ASSU, Palmeira x Globo.







Deixe seu comentário!

Comentários