PF coleta dados de celular do ministro

Publicação: 2019-06-12 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
São Paulo (AE) - Peritos da Polícia Federal estiveram na sede do Ministério da Justiça, em Brasília, na última semana para coletar dados do celular do ministro Sergio Moro. Conforme revelou o jornal O Estado de S. Paulo, a PF instaurou inquéritos para investigar ataque de hacker ao celular do ministro e de procuradores que trabalham na Operação Lava Jato em Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Moro denunciou o ataque há quatro dias.

O procedimento é padrão nesse tipo de investigação. Os peritos espelham os dados do celular atingido para tentar rastrear a origem dos ataques. A cópia dos dados permite obter o histórico de ligações e a utilização de aplicativos, como o Telegram, por meio do qual Moro conversava com procuradores.

A PF suspeita que a ação pode ter sido planejada para atingir a Operação Lava Jato. Segundo os investigadores, Moro atendeu a uma ligação que tinha como origem o seu próprio número de celular, quando percebeu o ataque. O ministro não tinha dupla verificação do Telegram.

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários