Natal
PF prende mulher com mais de 36 quilos de maconha em aeroporto
Publicado: 00:00:00 - 16/10/2021 Atualizado: 22:52:55 - 15/10/2021
A Polícia Federal (PF) prendeu na madrugada desta sexta-feira (15) uma mulher de 20 anos com 36,6 kg de maconha em sua bagagem. Ela estava no Aeroporto Internacional Aluízio Alves e responderá pelo crime de tráfico de drogas. Esta foi a 3ª maior apreensão de maconha que a Polícia Federal já fez no aeroporto, inaugurado em 2014.

Cedida
Maconha foi transportada pela acusada sob o pagamento de R$ 3 mil, segundo depoimento

Maconha foi transportada pela acusada sob o pagamento de R$ 3 mil, segundo depoimento


De acordo com a PF, a ação aconteceu durante uma fiscalização de rotina realizada na área de desembarque doméstico. Ao ser entrevistada, a mulher teria apresentado "visível nervosismo" ao responder as perguntas formuladas. Após revista, os policiais encontraram 63 tabletes de maconha em suas duas malas. A mulher, que vinha de Santa Catarina, foi presa em flagrante e conduzida para a sede da Polícia Federal em Natal.

Em seu interrogatório, afirmou que "foi contratada por um desconhecido" e que recebeu R$ 3 mil para transportar a carga até a capital potiguar. Indiciada por tráfico interestadual de drogas, a mulher foi submetida a exame de corpo de delito no Itep e segue sob custódia na sede da PF, à disposição da Justiça.
Assaltantes

Quatro homens morreram após troca de tiros com a Polícia Militar na noite desta quinta (14) em Extremoz, na Grande Natal. De acordo com a PM, o confronto começou após perseguição do grupo, que teria feito um arrastão em uma casa no município e abriu fogo contra os militares. Um suspeito fugiu e nenhum policial ficou ferido.

No arrastão, os bandidos levaram o veículo e bens de uma residência ainda em Ceará-Mirim. Após acionada, a Polícia Militar acompanhou o grupo através do rastreador do automóvel, dando início à perseguição. Em alta velocidade, os criminosos perceberam a aproximação da viatura e dispararam contra os militares, que revidaram. O acompanhamento teria continuado e os suspeitos perdido o controle em Extremoz, também na Grande Natal, e capotaram o veículo.

Os militares acreditam que cinco homens participaram da ação. Desses, um fugiu e quatro foram atingidos. Os criminosos ainda foram socorridos ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiram. 

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte