Pintor mata mulher, violenta filha e se suicida

Publicação: 2011-09-25 09:15:00 | Comentários: 6
A+ A-
O estupro de uma filha de dois anos, o assassinato da mãe e em seguida o suicídio do pai modelaram o quadro da tragédia de uma família na rua Poços de Caldas, nas imediações do conjunto Pirangi com Cidade Verde, na Zona Sul de Natal.

Policiais da delegacia de plantão da zona Sul chegando no redidencial Jardins do Sul, local onde o corpo de  Francisco Quirino foi encontradoO pintor e pedreiro Francisco Quirino Júnior 33 anos, matou a dona de casa Ione Gomes da Silva, 29 anos, com  uma barra de ferro encravada no coração, na madrugada deste domingo, dia 25, e depois seguiu par o condomínio Jardim do Sul, no número 487 da avenida Abel Cabral, de onde pulou, com um corda no pescoço, do andaime de um bloco que estava passando por reformas.

Com base em informações preliminares de moradores, o delegado de Plantão, Pedro Paulo Falcão, disse que o pedreiro teria estuprado a criança e, provavelmente discutido com a mulher, a matando em seguida.

Segundo o delegado, o casal tinha três filhos, um dos quais de três ou quatro anos, e outro de 11, que teria informado que a menina de dois anos fora amarrada ao pé da cama.

Moradores teriam informado à Polícia, que o  pedreiro passou a noite bebendo. A vizinhança foram alertadas pelas outras crianças, aos gritos, que o pai tinha matado a mãe.

O delegado disse que moradores do condomínio “ouviram o baque” do corpo caindo e correram para o local, cortaram a corda, mas o pedreiro já estava agonizando, com sangue saindo pela boca e morreu no local. De acordo com a polícia, a criança violentada foi encaminhada ao hospital Januário Cicco.

O caso deve ser investigado pela 2ª Delegacia de Polícia, em Parnamirim.

Atualizada às 09h30 para acréscimo e correção de informações

continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários

  • cearasantiago

    qunta violencia

  • auridlima

    O LEITOR CARLOS BEZERRA PEDE PELO AMOR DE CRISTO JESUS QUE SE REPEITE O PORTUGÊS, NÓS PEDIMOS QUE PELO AMOR DE CRISTO JESUS, SE REPEITE A VIDA HUMANA QUE ELE O COMENTARISTA DEIXOU NÃO EM SEGUNDO PLANO MAS SIM EM ÚLTIMO PLANO.

  • girleyne_37

    O que ainda falta acontecer neste mundo!!!!! coitada dessa criança.

  • senastecfrancisco

    Nâo acho que seja falta de Deus!afinal Deus assiste pacificamente a estes fatos e nâo interfere porquê? e não me venham com essa de livre arbitrio que nâo me convence,pois pensando assim alguns estâo me dizendo que Deus é sádico,e eu nâo concordo com isso,para mim o que existem são pessoas más e desequilibradas,e que é preciso leis severas para punir pessoas como este senhor,que praticou esta brutalidade,contra a propria familia,infelizmente ele mesmo se puniu,enquanto as pessoas atribuirem o bem a Deus e o mal ao diabo,jamais encontraremos meios para resolver estas questôes,pois nÃo existem leis humanas para para punir ou absolver seres espirituais,afinal o homem é culpado pelos seus erros? ou a culpa é sempre do diabo? pois para muitos se você faz o bem,Deus esta com você,e se faz o mal entâo é o diabo,se isto fosse verdade,ninguem seria culpada de nada,me desculpem os religiosos,mas é isto que penso,e como vivo em uma democracia,tenho o direito de expor meus pensamentos.

  • evaalmir

    MUE DEUS !!! MEU DEUS!!! PORQUE TANTA MISÉRIA? O QUE LEVA UM SER HUMANO PRATICAR TANTA MISÉRIA EM GRAU QUE UM HUMANO NÃO PODE AVALIAR, UM PAI USAR SUA FILHA DE 2 ANOS E AMARRAR AO PÉ DA CAMA? CONSERTEZA ELE DESPREZOU A MISERICORDIA DE DEUS E CUMPRIU AS ORDENS DO INIMIGO.

  • carlosbezerra_pmrn

    Pelo amor de Deus! Já não bastasse o terror da notícia o ?jornalista?, autor da matéria, ainda nos brinda com pérolas gramaticais. Nota: ?... disse que o pedreiro teria estuprado a criança e, provavelmente discutido com a mulher, A MATANDO em seguida. (matando-a); ?...A VIZINHANÇA FORAM alertadas pelas outras crianças, aos gritos, que o pai tinha matado a mãe. (A vizinhança FOI alertada ou Os vizinhos FORAM alertados)!!!!!!!!!!!! Pelo amor de CRISTO JESUS, respeite o português que é sua ferramenta de trabalho!