Poesia no Nobel de Literatura

Publicação: 2020-10-09 00:00:00
Alex Medeiros 
alexmedeiros1959@gmail.com

A chamada geração dos anos 60 continua firme como referência literária. A norte-americana Louise Glück, vencedora do Nobel 2020, tem a gênese da sua poesia plantada na áurea década da pop art e do rock,. É uma contemporânea de Bob Dylan, Margareth Atwood, Patti Smith, Joan Baez e dos Beatles. Seguem abaixo dois poemas de sua autoria, lembrando que da sua extensa obra não há ainda tradução para o português. Os versos publicados aqui foram traduzidos de reportagens sobre ela em jornais espanhóis.

A íris selvagem
No fim da minha dor
havia uma porta.
Ouça-me com atenção: o que você chama de morte,
Eu lembro.
Lá em cima, ruídos, o farfalhar de galhos de pinheiro.
Então nada. O sol pálido
balançou na superfície seca.
É uma coisa terrível sobreviver
como consciência
enterrado na terra escura.
Então acabou: o que você teme ser
uma alma e incapaz
falar terminando de repente, o chão rígido
dobrando um pouco. E o que eu pensei que era
pássaros pulando nos pequenos arbustos.
Você que não lembra
da passagem do outro mundo
Eu te digo que eu poderia falar novamente: tudo isso
retorna do esquecimento retorna
para encontrar uma voz:
do centro da minha vida surge
uma grande fonte, sombras
azul escuro na água do mar azul.

Vésperas
Uma vez acreditei em você; Eu plantei um figo.
Aqui, em Vermont, país
sem verão. Foi um teste: se a árvore vivesse,
então você existia.
Essa lógica diz que você não existe. Ou você existe
exclusivamente em climas quentes,
na tórrida Sicília, no México, na Califórnia,
onde eles crescem inimagináveis
damascos e pêssegos quebradiços. talvez
eles veem seu rosto na Sicília; aqui vamos apenas ver
a bainha do seu vestido. Tenho que treinar
para dar alguns tomates para John e Noah.
Se houver justiça em qualquer outro mundo, para aqueles
como eu, essa natureza empurra
parafuso de abstinência, deve tocar
a parte mais abundante de todas as coisas, de todas
objetos de fome, insaciabilidade
sendo um elogio de você. E ninguém elogia
mais apaixonadamente do que eu, com
desejo mais dolorosamente contido ou mais merece
para se sentar à sua direita, se houver, participando
do perecível, a figueira imortal,
que não viaja.

Tráfico
Pena não existir ainda a máquina do tempo. Seria ótimo enviar agentes da PF para alguns anos atrás, na republiqueta petista, e colocá-los para vasculhar o porto de Natal e achar conexões africanas, europeias e até mesmo asiáticas. 

Corrida
O bom posicionamento de Kelps Lima no Ibope, como vice-líder, é bom e é ruim. O jogo político o transformará em vitrine para as pedras dos outros 12 candidatos. Como na F1, só aproxima do primeiro quem ultrapassa o segundo.

Enganoso
Os candidatos bem posicionados na pesquisa Ibope derramaram propaganda enganosa nas redes sociais. Não se pode pregar crescimento na intenção de votos do eleitor comparando pesquisas de três ou quatro institutos diferentes. 

Licitação
Virou caso de Polícia uma licitação publicitária em Parnamirim, interrompida primeiramente de forma administrativa e segundamente por uma ação criminal sob investigação do Ministério Público e pronta para nova sentença judicial.

Pendenga
O