Polícia do Exército faz operações em Mãe Luíza

Publicação: 2018-01-11 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
As Forças Armadas realizaram operação no fim da tarde desta quarta-feira (10) no bairro de Mãe Luiza. Com pelo menos dois tanques e dois caminhões, os militares estão circulando armados nas ruas do bairro da zona Leste de Natal e realizando abordagens em pedestres e veículos que passam no local. Na entrada da rua principal do bairro para quem vem da Via Costeira, um carro e cinco militares patrulhavam a região. Um helicóptero deu apoio aos militares.

Na entrada da rua principal do bairro,  militares patrulhavam e abordavam pedestres e motoristas
Na entrada da rua principal do bairro, militares patrulhavam e abordavam pedestres e motoristas

Segundo informações do comando das Forças Armadas, os militares receberam uma denúncia do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) que havia dois carros roubados no bairro da Mãe Luíza e que foragidos da justiça se encontravam nessa área. "Prontamente dois pelotões do Exército, totalizando 80 homens , 2 blindados, um helicóptero e um caminhão reboque foram enviados para o local e recuperaram um carro que tinha sido roubado e estava abandonado", explicou os militares, por e-mail enviado à TN.

As Forças Armadas estão em Natal com 2.800 militares desde o dia 29 de dezembro. A expectativa é que a operação continue em Natal até o próximo dia 12. O Governo do Estado chegou a pedir que a operação fosse renovada, mas com o fim da paralisação das polícias Civil e Militar o Estado não confirmou se o pedido foi oficializado.

Comunidade do Japão
Na tarde de terça-feira (9), as Forças Armadas foram acionadas pelo CIOSP para uma operação na Comunidade do Japão. Na ação, os militares cercaram ruas dos bairros do Alecrim, Quintas e Dix-sept Rosado em busca dos suspeitos.

De acordo com a assessoria de comunicação do Exército, o Comando da operação recebeu uma ligação CIOSP, informando que aproximadamente 15 suspeitos estavam realizando vários disparos na Comunidade do Japão e que estavam dentro de três veículos.

De imediato, uma patrulha motorizada foi deslocada para o local da ocorrência e acionou a força de reação. Com o efetivo de dois pelotões e o apoio aéreo do  Helicóptero Esquilo, foram montados três pontos de bloqueio no acesso a comunidade. Após duas horas de operação, mesmo sem encontrar os suspeitos e os veículos, mas com a comunidade e o entorno em segurança, a tropa retornou para o quartel.

Quadrilha desarticulada
Uma ação integrada envolvendo a Guarda Municipal do Natal (GMN), Força Nacional (FN) e a Polícia Militar (PM) resultou nessa terça-feira (9), na prisão de uma quadrilha suspeita de vários assaltos e na apreensão de duas pistolas calibre 380, um revólver calibre 38, diversas munições de vários calibres, carregadores de armas de fogo, drogas, um automóvel modelo Fox, cor branca, placas KGB 237, com queixa de roubo, além de produtos suspeitos de serem objetos tomados de vítimas de assaltos.

Os suspeitos identificados como José Lucas Ferreira dos Santos, Richard Alan Neves de Brito e João Maria Corsino Freire foram presos num condomínio residencial situado na Avenida João Dino Maia, em São Gonçalo do Amarante, região metropolitana de Natal. As diligências unindo guardas municipais e policiais militares foram iniciadas logo após os suspeitos realizarem um assalto a um mercadinho na zona Norte de Natal e roubar a pistola de um policial militar que estava no local do crime. Também foi recuperada outra pistola pertencente a uma empresa de segurança de valores, que havia sido tomada num assalto a um carro-forte na Avenida Deodoro da Fonseca, em Natal. Os presos foram autuados em flagrante delito por roubo, porte ilegal de arma de fogo e posse de entorpecentes.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários