Polícia não tem pistas dos assassinos de empresária

Publicação: 2018-11-09 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
A Polícia Civil fez diligências em busca dos criminosos que mataram a empresária Maria da Conceição de Lima Barbosa, 56 anos, na noite da quarta-feira (7). Equipes se dividiram entre o interior do estado e a Paraíba, onde buscam informações que possam levar aos autores do crime. Até o fechamento desta edição, ninguém foi preso.

Maria da Conceição foi sequestrada na quarta-feira
Maria da Conceição foi raptada, junto da filha, na última quarta. Corpo foi encontrado ontem

Segundo o delegado Lenivaldo Pimentel, da Delegacia de Polícia Civil do Interior (Dpcin), ainda não há informações sobre o paradeiro dos bandidos. A Polícia não deu informações se trata o caso como um crime de latrocínio, que é o roubo seguido de morte, ou se o objetivo dos criminosos era a execução.

"Estamos em diligências nesse momento. Estamos atuando para levantar as informações e elucidar o crime", explicou o delegado.

Além de atuar nos locais por onde passaram os criminosos e buscar informações sobre quem seria e o paradeiro dos bandidos, a Polícia também vai ouvir testemunhas. A filha da vítima, que também foi levada no rapto e liberada em Espírito Santo, será ouvida. As pessoas responsáveis por encontrar o corpo, e que podem ter visto os bandidos, também fazem parte da lista de testemunhas. A informação inicial é de que pelo menos três criminosos atuaram no crime.

Maria da Conceição e a filha foram raptadas no fim da tarde da quarta-feira (7), quando saíam de Santo Antônio em direção a Natal. Três bandidos em um veículo tipo Gol abordaram o carro em que estavam mãe e filha, o Onix de cor preta. Após renderem as duas, dois deles seguiram no carro com as vítimas, enquanto outro criminoso seguiu no Gol.

Pouco após ser raptada, a filha de Maria da Conceição foi liberada em uma comunidade rural no município de Espírito Santo. Lá, também foi encontrado o Gol, carbonizado. A vítima pediu socorro e a Polícia iniciou as buscas por Maria da Conceição.

Na noite da quarta, a última informação era de que o carro das vítimas havia sido visto em Mamanguape/PB, onde foi abandonado com pertences de mãe e filha dentro. Uma pessoa chegou a ser detida para averiguação, mas foi liberada em seguida na Delegacia do município. Até então, não se tinha informações sobre o paradeiro de Maria da Conceição.

Por volta das 5h desta quinta-feira (8), no entanto, o corpo da empresária foi encontrado em uma estrada de terra na comunidade rural do município de Pedro Velho. Ela foi morta com um tiro de espingarda na cabeça.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários