Política de inclusão é uma necessidade

Publicação: 2019-07-21 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
A secretária de esportes e lazer do município de Natal, que promoveu os Jogos dos Idosos afirma que o evento faz parte de uma política maior de assistência ao idoso na capital potiguar. Sensibilizada com a adesão de 140 atletas, ela comemorou o sucesso da competição e diz que a SEL deverá promover outras ações como esta, realizada pela primeira vez na cidade. “Ao longo das competições tivemos aqui diversos exemplos de superação. Destaco o de uma senhora que não saia do abrigo onde estava há dois anos e esteve aqui conosco”, revelou Danielle Mafra.

Ela falou ainda sobre a edição de 2020: “Agora é planejar a segunda edição. A ideia é atender, dentro das nossas possibilidades, toda a população idosa de Natal, não só aqueles que fazem parte das associações atendidas pela Semtas. Já tivemos idosos vindo e participando em uma demanda espontânea, mas meta é oficializar isso, ampliar o número de competições, melhorando cada vez mais o evento”.

O prefeito de Natal, Álvaro Dias explicou que ações como essa, além da inclusão social, homenageiam uma parcela da população que foi responsável por tudo que a cidade é hoje. “Foram eles que construíram a nossa sociedade e merecem todo o tipo de ação como essa e outras. Fiquei surpreso com o número de participantes e estou muito feliz com a felicidade deles”, comentou.

A vereadora Eleika Bezerra, autora da proposição que criou o “Julho Branco” na capital potiguar falou sobre a importância de lembrar a sociedade em relação a questão do idoso. “Eu também sou uma idosa. Fazemos parte de uma parcela da população que precisa ter acesso a todos os tipos de serviço. Estou muito satisfeita com a resposta que tenho recebido com relação a essa proposição”, explicou.




continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários