Policiais civis marcam assembleia e votam indicativo de greve na terça-feira

Publicação: 2017-02-17 12:06:00 | Comentários: 0
A+ A-
Os policiais civis do Rio Grande do Norte podem cruzar os braços nos próximos dias. A categoria terá uma assembleia na próxima terça-feira (21), às 8h, em frente à Governadoria, onde um indicativo de greve será submetido à avaliação dos agentes da segurança pública, que têm pauta de reivindicações já entregue ao Governo. Entre os pleitos, os policiais querem a devolução dos valores descontados nos salários durante greve de 2013.
Arquivo TNPolícia Civil cogita suspender as atividades e cobra reposição de saláriosPolícia Civil cogita suspender as atividades e cobra reposição de salários

Em agosto de 2013, os policiais civis e servidores do Itep entraram em greve e a paralisação foi discutida na Justiça. O Governo do Estado cortou o ponto dos servidores, que permaneceram de braços cruzados entre 6 de agosto e 14 de outubro. O Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (Sinpol) explicou que, posteriormente, foi instaurado um processo e houve um acordo entre Governo e Policiais.

O acordo em questão teria determinado que os policiais repusessem as horas não trabalhadas durante o período de greve e, em contrapartida, o Governo do Estado faria o pagamento dos dias cortados nos salários dos profissionais. De acordo com o Sinpol, o acordo foi homologado, mas até agora não houve o pagamento por parte do Executivo.

Além da reposição dos vencimentos cortados, os policiais cobram do Governo do Estado a "valorização salarial", e implantação dos níveis.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários