Prefeito licenciado de Goiânia, Maguito Vilela morre com complicações da covid-19

Publicação: 2021-01-13 08:22:00
O prefeito licenciado de Goiânia, Maguito Vilela, morreu na madrugada desta quarta-feira (13) vítima de uma infecção pulmonar decorrente da covid-19. Ele estava internado desde 22 de outubro após ser diagnosticado com o novo coronavírus e estava na UTI quando foi eleito.

Com o agravamento de seu quadro de covid-19 e a internação no fim de outubro, o ex-governador de Goiás nem sequer pôde comparecer à urna para votar na própria chapa e a equipe do Hospital Albert Einstein chegou a comentar com Maguito sobre sua vitória na eleição, mas os médicos afirmaram que não era possível saber o nível de percepção do paciente no momentos.

Créditos: DivulgaçãoMaguito Vilela estava internado desde outubroMaguito Vilela estava internado desde outubro

Durante a internação, Maguito precisou fazer uma traqueostomia, hemodiálise e precisou de ajuda de ventilação mecânica para respirar. De acordo com último boletim médico divulgado nesta terça-feira (12), o prefeito era mantido na UTI, em diálise contínua, sedado, traqueostomizado em ventilação controlada, em tratamento de infecção pulmonar grave e drogas vasoativas em altas doses.

De acordo com o comunicado feito nas redes sociais de Maguito Vilela, a família está providenciando o o traslado do corpo de São Paulo para Goiás e ele deve ser sepultado em Jataí, sua terra natal.

Na sua carreira política, Maguito Vilela passou por vários cargos públicos no estado de Goiás. Ele foi vereador, senador, prefeito e governador. Antes da vida pública, foi professor e advogado.