Cookie Consent
Natal
Prefeitura abre nova urgência pediátrica
Publicado: 00:00:00 - 30/06/2016 Atualizado: 20:51:34 - 29/06/2016
A Secretaria Municipal de Saúde de Natal entrega hoje (30), às 10h, a nova ala de Urgência Pediátrica do Hospital Municipal de Natal Dr. Newton Azevedo. A inauguração será feita pelo prefeito Carlos Eduardo. A SMS destaca que a unidade vai proporcionar mais conforto, ambiência e acessibilidade às crianças e seus acompanhantes e melhores condições de trabalho aos servidores do hospital.
Com seis meses de inauguração, hospital está aberto a ampliações
Neste anexo serão realizados atendimentos exclusivos de urgência pediátrica, cujo acesso acontecerá pela lateral do Hospital, na Rua Manoel Machado, ao lado da Urgência Ortopédica, e receberá o nome de Urgência Pediátrica Dra. Sandra Celeste. A reforma custou cerca de R$ 200 mil, com recursos próprios do município.

A Urgência Pediátrica Dra. Sandra Celeste contará com 10 leitos de observação novos, além dos 10 de enfermaria já existentes no Hospital, uma ala de nebulização, sala para classificação de risco atendida por um enfermeiro e três leitos na sala de urgência (sala vermelha). Além disso, a urgência terá a disposição televisões para que as crianças possam se entreter durante o momento do atendimento.

Para a diretora do Hospital, Cecília Picinin, o novo anexo possibilitará ter um controle maior sobre as crianças que irão dispor de um atendimento totalmente personalizado, contando com o atendimento de três pediatras durante 24h por dia.

“O anexo foi concebido para o atendimento exclusivamente de pediatria como forma de proporcionar o maior conforto possível às crianças que, antes da reforma, compartilhavam o espaço com o pronto de socorro adulto”.

Com pouco mais de seis meses após sua inauguração, o hospital continua aberto a ampliações para melhorar ainda mais seu atendimento. Entregue no dia 18 de dezembro de 2015, a unidade tem capacidade para 500 internações e cerca de 23 mil atendimentos por mês, atendendo à demanda dos pacientes da capital potiguar.

O espaço, que comporta 80 leitos, sendo 10 de Terapia Intensiva, cinco de psiquiatria, oito de pediatria clínica, 35 de clínica médica e 22 de clínica cirúrgica, oferta atendimento durante as 24 horas do dia em ortopedia clínica e em pronto atendimento adulto e infantil.

Envoltos na crise, vários municípios vem fechando unidades e diminuindo o número de leitos e, graças a uma Prefeitura que vem investindo fortemente na saúde, foi possível a construção do hospital público de Natal, que há poucos dias cumpriu meio ano de existência e se prepara para entregar ainda esta semana um novo anexo.

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte