Presidente do Napoli pressiona Uefa para mudar local de jogo contra o Barcelona

Publicação: 2020-07-30 10:54:00
A+ A-
O aumento de casos do novo coronavírus na Espanha tem causado preocupação para a Uefa e os clubes envolvidos em jogos pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. O Real Madrid divulgou nesta semana que o atacante dominicano Mariano Díaz contraiu a covid-19 e o duelo entre Barcelona e Napoli, marcado para 8 de agosto, ainda não está confirmado para ser realizado no estádio Camp Nou, em Barcelona.

Nesta quinta-feira, o presidente do Napoli, Aurelio De Laurentiis, mostrou preocupação com a possibilidade do jogo contra o Barcelona ser disputado na Catalunha, região espanhola em que voltaram a crescer os casos de covid-19.

"Eu ligo para a Uefa o tempo todo, mas é vergonhoso. Você ouve da Espanha grandes medos e eles passam pelo assunto. Quanto tempo leva para dizer que vamos jogar em Portugal, Alemanha ou Suíça? Não entendo porque neste momento devemos ir à uma cidade com grandes problemas", afirmou o dirigente, lembrando que as fases finais da Liga dos Campeões e da Liga Europa, em agosto, serão jogadas em território português e alemão, respectivamente

O presidente do Napoli pressiona a entidade europeia para que a partida de volta contra o Barcelona seja transferida e jogada em campo neutro. Na Itália, em fevereiro, as equipes empataram por 1 a 1 no duelo de ida. O confronto da volta estava originalmente marcado para 18 de março, mas a pandemia do novo coronavírus paralisou as competições na Europa por cerca de três meses.

O Barcelona já expressou o seu desejo de realizar o jogo de volta das oitavas de final em casa, mesmo com a diferença de não poder contar com público. A Uefa anunciou que entrou em contato com o Departamento de Saúde da Catalunha para assegurar de que há condições de se organizar a partida sem colocar os atletas em risco de infecção pela covid-19.

A Uefa segue o mesmo protocolo para as outras cidades que receberão jogos dos seus times em casa, como Munique (Bayern de Munique x Chelsea), Manchester (Manchester City x Real Madrid) e Turim (Juventus x Lyon). Caso a partida entre Barcelona e Napoli não possa ser realizada na Espanha, a alternativa seria levar o jogo para Portugal.

Estadão Conteúdo