Programa Trilhas Potiguares reúne cerca de 500 participantes, distribuídos em 25 municípios do estado

Publicação: 2017-08-02 16:12:00 | Comentários: 0
A+ A-
Arthur Nascimento e Tálison Felipe 
Agência Comtrilhas/UFRN
(Especial para a TN)

        Nesse último fim de semana, com cerca de 500 participantes e diversas atividades promovidas por professores e alunos da UFRN, começou a 21ª edição do Programas Trilhas Potiguares. Com o objetivo de atender as necessidades interioranas e estabelecer uma interação entre a comunidade acadêmica e os pequenos municípios do estado, em 2017, o programa bateu o número recorde de 24 municípios contemplados.
         Nesta edição, o número de municípios participantes mais que dobrou comparado com o do ano anterior. Em 2016 foram 10 cidades envolvidas. Já este ano, a ação acontece em 24 municípios potiguares espalhados por todo interior do Estado. São eles: Bento Fernandes, Caiçara do Norte, Carnaúbas dos Dantas, Espírito Santo, Ipueira, Jaçanã, Jardim de Angicos, Jardim do Seridó, José da Penha, Lagoa de Pedras, Lagoa Nova, Parazinho, Patu, Pedra Grande, Pedro Avelino, Pureza, Rio do Fogo, Santana do Seridó, São Rafael, São Tomé, Serrinha dos Pintos, Venha Ver, Vera Cruz e Viçosa; proporcionando a educação ambiental, a educação em saúde, e a melhoria da qualidade de vida da população.

Trilhas Potiguares reúne cerca de 500 participantes, distribuídos em 25 municípios
Trilhas Potiguares reúne cerca de 500 participantes, distribuídos em 25 municípios

Sob o comando do professor João Telésforo, o projeto surgiu há um pouco mais de duas décadas como uma extensão que visava associar o máximo da qualificação acadêmica com o compromisso social. Hoje, o programa se expandiu e abriga exatos 26 projetos – incluindo o Comtrilhas, que é o projeto de comunicação do programa, responsável pela produção de conteúdos, veiculação e divulgação nas mídias.
       Segundo o pró-reitor adjunto de extensão e coordenador geral do programa, Breno Cabral, após selecionar por meio de edital as cidades com até 15 mil habitantes, os coordenadores do projeto fazem um levantamento de demandas, analisam os gastos e, de acordo com a necessidade, montam suas equipes para promoverem ações, pautadas principalmente sobre a diversidade e que são desenvolvidas durante uma semana nos municípios escolhidos. 
      Para entender um pouco mais sobre a importância do programa, conversamos com a estudante de Jornalismo e assessora de comunicação do projeto no município de Serrinha dos Pintos, Jéssica Cavalcanti. De acordo com ela, que participa pela primeira vez para adquirir experiência, “o projeto não consiste apenas em disseminar o conhecimento em lugares com uma realidade diferente, mas se embasa numa relação mútua de aprendizagem e na troca de conhecimentos entre os trilheiros e a população”, declara.
        Nas cidades que recebem o Trilhas Potiguares são desenvolvidas atividades como: oficinas de teatro, de esporte, escrita, horta comunitária, empreendedorismo, dança, contação de histórias, cinema na praça, gincanas com estudantes, saúde e conscientização de doenças crônicas, dentre muitas outras. Atividades que envolvem toda a comunidade e diversos púbicos, da criança ao idoso e proporcionam uma riqueza de conhecimento. 
       Ao término da semana, é possível notar muitos resultados do projeto, tanto para a comunidade que recebeu o Trilhas, quanto para os estudantes e voluntários que se deslocaram até a cidade. Um deles é ter contribuído para o processo de qualificação social dos membros da comunidade acadêmica, oportunizando novos cenários de ensino-aprendizagem, troca de saberes e o desenvolvimento de uma consciência crítica acerca do seu papel social. Além de ter servido para identificar lideranças do município e poder capacitá-las a fim de que se tornem agentes multiplicadores das ações desenvolvidas nas diversas áreas do Programa.
        Para participar do Trilhas Potiguares, é fácil! Basta ser aluno da UFRN de qualquer curso e se comprometer com algumas normas do Programa. Todos os anos abrem editais para cidades e participantes voluntários. Escolha viver essa experiência incrível! 



continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários