Projeto invade espaços com o lema ‘leitura é lazer’

Publicação: 2013-05-08 00:00:00
Tádzio França - repórter

O projeto Ação Leitura, iniciativa de incentivo à leitura promovida pela Editora Jovens Escribas, está pronta para iniciar um novo capítulo de sua história. Em parceria com o SESC, a terceira edição do evento será realizada de 13 a 17 de maio, agora com um número ampliado de instituições atendidas por ele. Autores diversos - incluindo convidados especiais como Daniel Galera - irão a escolas e universidades para conversar com estudantes sobre suas trajetórias como leitores e, consequentemente, escritores. A mensagem de 2013 é: “Mais que aprender, leitura é lazer.” 

Este ano, a Ação Leitura terá os seguintes convidados: Clotilde Tavares, Pablo Capistrano, Patrício Jr., Daniel Minchoni, Carlos Fialho, Sinhá, Ruy Rocha, Márcio Benjamin, Carito, Thiago de Góes, Milena Azevedo, Daniel Galera (RS), Ana Elisa Ribeiro (MG), Sérgio Fantini (MG) e Carlos Henrique Schroeder (SC). Os autores vão falar para estudantes de ensino fundamental, médio e superior. Haverá diversos eventos noturnos e abertos ao público, dando oportunidade para que leitores possam ter um contato mais próximo com os convidados.

Entre as ações extras, estão parcerias com grupos e produtores culturais da cidade, como Clowns de Shakespeare, o Dosol e a Casa da Ribeira permitem oferecer uma maior variedade de atrações, associando a leitura a atividades lúdicas e divertidas. A abertura, no dia 13, às 19h, será no auditório grande da UnP da Floriano Peixoto, em bate-papo com Clotilde Tavares e Pablo Capistrano. No dia 14 haverá o “Menor Slam do Mundo”, às 19h, na Casa da Ribeira. Será um torneio de poesia com acesso gratuito.

No dia 15 haverá leituras dramáticas no Barracão dos Clowns, com autores e escritores quase em cena, às 19h. Dia 16 ocorrerá a ‘Poesia Esporte Clube – A volta, a revolta, a reviravolta’, na Casa da Ribeira. No dia 17, duas ações: um ‘IapoisPoesia’ Especial, no Parque das Dunas, às 14h, e às 19h o escritor Daniel Galera estará na livraria Nobel (da Salgado Filho) para o lançamento do livro “Barba ensopada de sangue” - seguido por apresentação da cantora Simona Talma, fechando o evento. 

Este ano, as oficinas já realizadas pelos autores Sérgio Fantini (leitura de contos, dias 15 e 16) e Ana Elisa Ribeiro (crônicas, dias 15 e 16) serão reeditadas, mas também estão sendo oferecidas outras três alternativas para os interessados. Clotilde Tavares ministrará oficina de produção de cordel, dias 15 e 16 (25 vagas); Daniel Galera fará oficina de produção de contos (15 vagas), das 19 às 21h. Galera já realizou oficina semelhante em 2010, no Flipipa. No dia 16, Carlos Henrique Schroeder fará uma oficina de quadrinhos pela manhã e à noite. As inscrições deverão ser feitas pelos formulários contidos no site: <www.jovensescribas.com.br/acaoleitura>

O projeto  é inspirado em método utilizado em outros eventos literários Brasil afora que se mostraram exitosos em longo prazo, como a Jornada Literária de Passo Fundo (RS). As ações promovidas seguem a seguinte sequência: primeiro, são enviados textos dos autores que visitarão cada escola para serem trabalhados em sala de aula pelos professores; segundo, os autores visitam as escolas e conversam com os estudantes; terceiro, livros dos autores são deixados nas bibliotecas das escolas para serem lidos pelos alunos. Esta metodologia foi responsável por fazer da cidade de Passo Fundo a primeira colocada nos índices de leitura do Brasil.