Quatro são presos suspeitos de explodir caixa eletrônico

Publicação: 2018-03-12 07:19:00 | Comentários: 0
A+ A-
A Polícia Civil prendeu no sábado (10) quatro envolvidos na explosão de um caixa eletrônico. O crime ocorreu no município de São Gonçalo do Amarante na última sexta-feira (9). A prisão foi realizada por uma equipe da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor).

Foram presos os pernambucanos Douglas Pereira da Silva, 31, e Erivan Fernandes Batista, 29. Também foram detidos Emerson Nascimento de Araújo, 21, e Valdir Correia da Silva, 31, que, segundo informações da Polícia, também responde por homicídio. Outros dois suspeitos continuam foragidos. São eles: Ubatan Pereira da Silva, natural da Paraíba, e Hélio do Nascimento Cunha, pernambucano.

As investigações da Polícia revelaram que integrantes do grupo criminoso, de origem pernambucana, voltariam ao Rio Grande do Norte neste sábado. Uma equipe da Deicor iniciou uma ação na madrugada e conseguiu interceptar o veículo dos suspeitos quando eles passavam pelo município de São José de Mipibu, na região Metropolitana de Natal.

“No momento da ação policial, os suspeitos reagiram e efetuaram disparos contra os policiais civis. A equipe da Deicor precisou fazer uso da força proporcional e efetuou diversos disparos no mencionado veículo, momento em que o carro dos criminosos capotou. Após a virada do carro os bandidos saíram de dentro do veículo e efetuaram novos disparos contra os policiais, dando início a uma intensa troca de tiros. O grupo se embrenhou na mata e ao amanhecer as buscas pelo grupo criminoso continuaram com o apoio do helicóptero da Secretaria de Segurança Pública, Potiguar 01”, detalhou o delegado titular da Deicor, Odilon Teodósio.

Durante as buscas, os policiais civis conseguiram apreender no meio da mata uma pistola Glock 9 milímetros, com um carregador alongado e 22 munições do mesmo calibre. O carro usado pelo grupo também foi apreendido. Haviam marcas de sangue, tanto na arma como no veículo e a Polícia Civil acredita que os suspeitos foram feridos.

Na tarde do sábado, com apoio de policiais militares, foi possível efetuar a prisão de dois pernambucanos, Douglas Pereira da Silva, 31 anos e Erivan Fernandes Batista, com 29 anos. Eles estavam escondidos na residência utilizada para guardar os materiais ilícitos e veículos roubados.

As buscas continuaram e os policiais conseguiram localizar uma residência na Rua Ares, s/n, Barreiros, em São Gonçalo do Amarante, onde foram encontrados muitos grampos utilizados na ação criminosa, bem como uma pistola 9 milímetros SR9 Ruger, com numeração raspada, 15 munições do mesmo calibre e munições de outros calibres. Na residência foram presos os natalenses Valdir Correia da Silva, 31 anos e Emerson Nascimento de Araújo, 21 anos. A equipe da Deicor também conseguiu localizar a granja onde o bando se reuniu antes da explosão em São Gonçalo. No local foram encontrados dois baldes de grampos, bem como explosivos e placas de veículos clonados ou roubados.




continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários