Rasgar dinheiro

Publicação: 2020-07-01 00:00:00
A+ A-
Rubens Lemos Filho
rubinholemos@gmail.com

Paciência e charme compõem  os detetives dos maiores romancistas policiais da história. Até – ou principalmente, o desajeitado glutão Comissário Jules Maigret, inteligência perspicaz e felina, como se fosse possível a mistura, é encantador pela sutileza seletiva na inspiração de Georges Simenon, seu criador.  

Créditos: Divulgação


Quando decide agir, Maigret,  tomando vinho, o  mistério se desfaz. Maigret,  Hercule  Poirot, de Agatha Christie, Mandrake, de Rubem Fonseca e Espinoza, de tez carioca, herói de Luiz Alfredo Garcia-Roza, psicanalista que se consagrou escritor e morreu de verdade a 20 de abril deste ano. 

Os craques do mistério não seriam necessários para saber o porquê da falência financeira e da queda do Cruzeiro de Minas Gerais para a Série B do Campeonato Brasileiro. Autores  do delito se entregaram às páginas virtuais sem a menor cerimônia expondo a forca e o cadafalso. Somente a seis jogadores, o Cruzeiro pagava todo mês(ou fingia ), R$ 4 milhões e 300 mil reais. Rasgavam dinheiro. 

É  demais para pouca gente de valor nem de longe merecedor. Os privilegiados: o goleiro Fábio, o zagueiro Dedé, o lateral Edilson(dispensado), os meias Thiago Neves e Rodriguinho e o atacante Fred. 

Sem  a quantia de cada um, somente na divisão simples, seriam 716 mil cruzeiros pagos individualmente aos membros do grupo. Estouro de caixa para remunerar gente de bola bem baixa. Fábio é um goleiro bem razoável, na curva descendente da carreira. 

Dedé, em blasfêmia chamado de Mito,  invenção da mídia quando distribuía botinadas jogando pelo Vasco há nove anos. Edilson é inédito. Há, no Brasil continental, milhões e milhões de Edilsons invisíveis em cada uma das divisões do Campeonato Nacional. Thiago Neves causou   a impressão de ser “o canhoto” talhado para vestir a camisa 10 da CBF. Faz um lance de efeito, moleja uma firula e vai se esconder. 

O centroavante Fred retornou ao Fluminense. Chegou de bicicleta  às  Laranjeiras, para provar que os músculos estavam em ordem. Músculos. São eles e não a bola, os mais importantes para os filhos mastodontes de técnicos de academia. De ginástica. 

Fred é quase um assexuado  quando o assunto é Copa do Mundo: fez dois gols. O primeiro, em 2006, empurrando para as redes uma jogada de Robinho e em 2014, conseguiu fazer um, contra o frágil aglomerado de Camarões. 

Descoberto nas quadras de futsal de Natal, Rodriguinho, nascido no tempero praiano das Rocas, foi para o campo do ABC, fez partidas episódicas e, expulso pela diretoria de então, retornou ao futsal, que ele, certamente por vergonha, não cita em sua carreira . Voou aos  Emirados Árabes, e , no Cruzeiro, seguiu o script de contusões.  

Aprendi com minha avó-mãe: uma das atitudes indesculpáveis, indiscretas e mal-educadas da vida era perguntar quanto o outro ganhava por mês. Santa Maria do Carmo, perdoai-me: o que recebiam  Tostão, Dirceu Lopes, Zé Carlos, Raul, e Piazza, que incluíram Minas Gerais no mapa do futebol, não pagaria uma feira das fraudes milionárias. 

É ingrediente do merchandising do futebol, gralhar, ave de agouro, quanto recebe cada perna-de-pau de cabelinho cortadinho igual porco-espinho, loira siliconada pelo braço(e pelo preço) e carro luxuoso. 

Elementar, meu caro Redator. Jamais seria  o soturno Sherlock Holmes a me trocar por seu companheiro de aventuras Watson. Com a tinta fatal de Arthur Conan Doyle. Por sinal, Sir, título nobre dos países de língua inglesa. Sherlock, sem ganhar um tostão, enfeitiça e excita nossas leituras ansiosas pela captura do assassino.  Na literatura pode e é pelo preço justo. 

Rasga dinheiro 2 
O meia Arthur(Grêmio) custou 72 milhões de euros(439 milhões de reais) à Juventus(Itália). Vale 75 mil. Sócrates custaria quanto? Arthur é destruidor. Está explicado. Nosso principal  produto de exportação. 
 
Escanteio 
O decreto estadual deixou o futebol no escanteio. Estadual está virando miragem. Os pequenos não tem grana nem a Federação pode pagar testagem. 
 
Lucidez 
Se levar a decisão estadual ao início de 2021, não haverá testes a pagar, pois o Covid  terá passado. Nenhum problema decidir um ano dentro do outro. 
 
Sacada 
O ano 2020 será do Brasileiro e, antes ainda, da Copa do Nordeste. Será um retorno lento, gradual e seguro como diria o General-Presidente Geisel. Sem pressa na palavra da moda: protocolo. 
 
Comparando 
O prefeito Álvaro Dias(PSDB), está sempre um passo à frente do Governo do PT. Agilidade  é aliada da coragem. O tempo cobra . Igual Romário partindo contra Júnior Baiano. Quem conhece, entende. 
 
Live 
Hoje, às 19 horas, convido para a live dos 105 anos do ABC. Estarei com o historiador Sérgio Trindade debatendo dois timaços alvinegros: o de 1973, tetracampeão, e o de 1983, a máquina de 114 gols. 
 
Acesso 
É  acessar nossas contas no Instagram: @rubens_lemos ou @sergiolbtrindade para um papo  bacana sobre a história bonita do clube. 
 América Também faremos live pelos 105 anos do América. Divulgarei a data.  O convidado é a própria história viva em vermelho e branco: 
o médico Maeterlinck Rêgo, “apenas”50 anos dedicados ao clube. 









Deixe seu comentário!

Comentários