Recuo dos investimentos

Publicação: 2020-07-14 00:00:00
Luiz antônio felipe 
laf@tribunadonorte.com.br

O investimento que já era muito baixo nos últimos anos, agora tem um tombo histórico no segundo trimestre. Segundo cálculos do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV), os investimentos devem recuar 22,6% no período. Já a prévia da Incerteza da Economia, pelo IIE-Br de julho, se aproxima do nível de março, com dados entre 26 de junho e 9 de julho. Uma queda mais acelerada da Incerteza daqui pra frente dependerá da evolução pandemia no país e da velocidade de normalização das atividades econômicas e do apaziguamento das tensões políticas", afirma Anna Carolina Gouveia, Economista do FGV IBRE.

Sinalização
Os Barômetros Econômicos Globais Coincidentes e Antecedentes da Economia sobem pela segunda vez consecutiva em julho sinalizando uma retomada gradual da economia mundial. Embora os números comecem a se distanciar do pior momento da crise, o cenário é ainda de grande incerteza, tanto na economia quanto no da saúde.

Projeções
O mercado financeiro está projetando para este ano um PIB melhor do que antes - de -6,10%, ante uma projeção de -6,50% -, aponta o boletim Focus, do Banco Central. A projeção de Selic de 2020 segue em 2,00% e permanece em 3,00% para 2021. A estimativa para o câmbio de 2020 segue em R$ 5,20 e cai para R$ 5,00 em 2021. Tudo dentro dos “conformes”.

Análise
Para o economista da Messem Investimentos, Álvaro Villa, neste segundo semestre, a Bolsa de Valores terá um cenário mais favorável, principalmente porque o impacto do coronavirus já está precificado no mercado. O economista também revela que o ibovespa saiu de 60 mil pontos e chegou a marcar 100 mil pontos durante a semana passada e na manhã de ontem.

Ativos
No começo dos negócios o Ibovespa voltou a subir (0,64%), a 100.676 pontos. Mas, fechou em queda de 1,33%, em 98697 pontos. O preço do barril de petróleo (spot) cai para U$ 39,56 (-1,01%). Já o dólar operou em alta de olho na cena externa a R$ 5,39 (+1,25%). Com o dólar alto, a balança comercial tem superávit de US$ 1,655 bilhão na 2ª semana de julho. No mês, o saldo é positivo em US$ 2,975 bilhões, acima 24,4% do que o registrado em todo o mês de julho do ano passado.

Regras para a reabertura
Decreto define as medidas de saúde e a política de isolamento social rígido para o enfrentamento do novo coronavírus (COVID-19) durante a retomada gradual das atividades econômicas do Rio Grande do Norte. Um novo prazo começa a valer a partir de amanhã, dia 15. As atividades essenciais não estão submetidas à limitação de horário de funcionamento. A fração 2 da Fase 1 será executada concomitantemente com a Fração 1 da Fase 2 e, está condicionada à obediência dos protocolos gerais de medidas sanitárias.

Horário
O estabelecimento autorizado a funcionar deverá elaborar um plano de enquadramento aos protocolos de retomada, em que discrimine todos os procedimentos por ele adotados para a abertura responsável da respectiva atividade, tais como a adequação do espaço físico, a disponibilidade dos equipamentos de proteção individual. Os municípios são responsáveis pela adoção das medidas necessárias de isolamento social.

Gás
Mais 15 novos clientes comerciais passam a receber gás canalizado da Potigás, durante o período de isolamento da pandemia do Covid-19. Também foi agregado mais um posto de combustível e uma indústria. O gás canalizado é mais econômico, prático, seguro e sustentável e indicado para fornos, fogões, fritadeiras, além de geração de energia.

Idoso
Os preços ao consumidor que mede a variação da cesta de consumo de famílias com mais indivíduos acima de 60 anos de idade, teve no segundo trimestre de 2020, variação de -0,03%. Em 12 meses, o IPC-3i acumula 2,54%. Com este resultado, a variação do indicador ficou pouco acima da taxa acumulada pelo IPC-BR, que foi de 2,22%, no mesmo período.

Ambiente
Com o “descuido” dos órgãos ambientais, o desmatamento e as queimadas na Amazônia estão mais acelerados. O desmatamento sobe 26% e bate recorde no primeiro semestre, diz o Inpe.  Uma pesquisa retrata uma preocupação com o comprometimento ambiental das empresas cresce no Brasil. Falta uma ação concreta dos governos federal e estaduais.

Leilão
No dia 24 próximo, a partir das 10h, o Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN) promove mais um Leilão Virtual de bens penhorados pelas Varas do Trabalho de Natal, Mossoró, Caicó e Currais Novos. Terá imóveis, equipamentos de academia e um minitrio elétrico, em 43 lotes de imóveis, automóveis, máquinas industriais e eletrodomésticos