Rio Center quer expansão regional

Publicação: 2013-11-08 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Gabriela Freire - repórter   

A chegada de grandes nomes estrangeiros e a expansão das marcas nacionais no mercado varejista de roupas em Natal não assusta o diretor executivo das lojas Rio Center, Flávio Alcides. O tamanho do concorrente não importa para ele, que acredita existir mercado para todos. “Você tem que procurar se situar no seu nicho e ver o que tem autoridade para vender, e não ficar olhando para o rabo dos outros”, afirma.
Júnior SantosLoja do grupo, instalada no Natal Shopping, reabriu ontem após quase dois anos fechada para expansão do shopping e reformaLoja do grupo, instalada no Natal Shopping, reabriu ontem após quase dois anos fechada para expansão do shopping e reforma

O empresário reabriu a loja do grupo instalada no Natal Shopping, depois de quase dois anos, período em que ficou fechada enquanto o centro comercial passou pelo processo de expansão e em que ela própria foi reformada. Ontem, a multimarcas reabriu ao público com 3,3 mil metros quadrados, sendo 2 mil no piso térreo e 1,3 mil no primeiro andar, com projeto assinado pelo arquiteto carioca, Sérgio Lousada. O empresário não revelou dados sobre o investimento para a reformulação nem sobre o faturamento do grupo.

Expansão

A trajetória iniciada em 1937, com uma simples loja de tecidos, na Rua Ulisses Caldas, centro de Natal, deve continuar com a expansão dos negócios para outras cidades do Rio Grande do Norte e até estados vizinhos. “A terceira geração da minha família está assumindo os negócios. Eles estão profissionalizando a empresa e devem partir para algumas novas lojas em Natal, talvez na zona Norte, e em Mossoró. Temos pesquisas que mostram um grande interesse do público em Mossoró. No futuro, quem sabe, crescer para João Pessoa e Fortaleza”, sinalizou.

A reinauguração da loja ocorre cercada de expectativas positivas. As festas de fim de ano são a principal aposta do grupo familiar para impulsionar as vendas. “A loja estava fazendo muita falta”, afirmou. O empresário minimiza o impacto dos grandes nomes que chegaram recentemente ao mercado potiguar. “O mercado é igual. Tanto faz uma pequena loja ou grande multinacional, como a Zara. Cada um tem seu mercado”, avalia. “Em termos de concorrência até um surto de gripe é um concorrente. Não são só as lojas de confecção que são nossas concorrentes”, completou.

A Rio Center está no mercado de varejo há 76 anos (completos em outubro) e é uma das mais tradicionais lojas da cidade. O mix de produtos oferecidos aos clientes inclui moda masculina, feminina e infantil, sapataria, casa e decoração, brinquedos, perfumaria e lingerie. O segredo da permanência em um mercado ansioso pelo novo está no passado. “Não abrimos mão do conceito antigo de que o cliente precisa de carinho, amor, amizade e tempo com ele. Esse é o alicerce da crônica da nossa empresa”, revela Flávio Alcides.

POR DENTRO DO NEGÓCIO

A trajetória da Rio Center iniciou em 1937, com uma loja de tecidos, na Rua Ulisses Caldas, centro de Natal. Caracterizada por ser uma empresa familiar, a empresa é dirigida por Flávio e Sérgio Araújo, filhos do patriarca Alcides Araújo, e foi a primeira loja de departamentos de Natal a disponibilizar um mix de produtos atenta às principais tendências da moda. Hoje a Rio Center marca presença na cidade com três grandes lojas e  representa diversas marcas nacionais..

Linha do tempo

1937 - Abertura da Casa Rio. Loja de tecidos, na avenida Ulisses Caldas, que mais tarde se transformaria na Rio Center.

1958 - Inauguração do edifício Casa Rio, na Rio Branco. A segunda loja.

1977 - Surge o nome Rio Center com a inauguração do magazine, na Rua João Pessoa.

1978 - Rio Center lança o primeiro cartão de créditos da cidade.

1991 - Inauguração da loja Lagoa Center.

1994 - Instalação da loja âncora do Natal Shopping Center

2004 - Inauguração da Megastore.

2013 – Reinauguração da loja no Natal Shopping.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários