RN amplia comércio com a Alemanha e sedia o EEBA 2019

Publicação: 2019-09-15 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Liderado pelas exportações de frutas tropicais, o Rio Grande do Norte ampliou, de 2017 para 2018, o comércio com a Alemanha. Somente no valor das vendas de mamões frescos para o país europeu, o crescimento foi de 167,96% de 2017 para 2018 – saiu de US$ 1,309 milhões para US$ 3,508 milhões. O quantitato da fruta exportada, obviamente, também foi maior: 164,31% de 2017 para 2018 (de 1,195 mil toneladas para 3,159 mil toneladas). Os melões frescos, as bananas frescas, o querosene de aviação, a castanha de caju e tecidos figuram na balança comercial entre o Rio Grande do Norte e a Alemanha. A  partir deste domingo, 15, o estreitamento e a ampliação das relações mercadológicas entre o Estado potiguar e o país europeu nortearão as discussões do Encontro Econômico Brasil Alemanha (EEBA), que pela primeira vez será sediado em Natal.

Mamões frescos foram a fruta mais exportada pelo Rio Grande do Norte para a Alemanha em 2018
Mamões frescos foram a fruta mais exportada pelo Rio Grande do Norte para a Alemanha em 2018

“Percebe-se que, aos poucos, empresas alemãs de diversos seguimentos vêm aumentando seu interesse pelo nordeste. Como exemplo, a BASF está no pólo químico de Camaçari – Bahia, a Fraport detém a concessão do aeroporto de Fortaleza – Ceará, a DHL está com uma base logística em Recife – Pernambuco, a Wintershall com a concessão de exploração de petróleo e gás no litoral do Rio Grande do Norte, a Nordex investe em vários parques eólicos no Nordeste, além de uma fábrica de pás para as suas turbinas eólicas, dentre outras. No que tange as empresas alemãs médias e pequenas, essas têm também conseguido, aos poucos, abrir mercado para seus produtos no Nordeste. De Natal, saem semanalmente dois voos da Lufthansa cargo direto para Frankfurt, levando 120 toneladas semanais de frutas, pescados e outros”, destaca o Cônsul Honorário da Alemanha no Rio Grande do Norte, Axel Geppert.

O encontro acontece até a terça-feira, 17, no Centro de Convenções de Natal, e reunirá cerca de 600 empresários, brasileiros e alemães, interessados em estreitar relações e parcerias, fazer intercâmbio de tecnologias e efetivar negócios. Realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pela Federação das Indústrias Alemãs (BDI), com o apoio da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK), o evento traz a Natal autoridades governamentais e lideranças empresariais para discutir a ampliação de investimentos e novas formas de cooperação. Neste domingo, em evento organizado pela Câmara de Comércio Brasil-Alemanha- AHK, será feita a entrega do Prêmio Personalidade Brasil-Alemanha 2019.

Programação
Na abertura oficial, às 09h da segunda-feira, dia 16, é prevista a participação do Presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, o Presidente da BDI, Dieter Kempf, o Presidente da FIERN, Amaro Sales, o vice-presidente da República, General Hamilton Mourão, a Governadora do Estado, Fátima Bezerra, Thomas Bareiss, Secretário do Ministério de Economia e Energia (BMWi) da Alemanha, e o Embaixador Otávio Brandelli, Secretário-Geral das Relações Exteriores.

Em seguida, o painel “Perspectivas Econômicas e Políticas” reúne especialistas como Ingo Ploger, Presidente da CEAL, Andreas Renschler, Presidente da LADW e Membro do Conselho da Volkswagen AG, tendo como moderador Alexander Busch, do jornal alemão Handelsblatt. E debatedores Stefan Mair, Membro do Conselho Administrativo da BDI, Marcos Troyjo, Secretário Especial do Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia, e Thomas Bareiss, Vice Ministro, Ministério Federal  de Assuntos econômicos e Energia – BMWi.

À tarde, além de encontro de negócios, a programação segue com quatro painéis “Agro 4.0: Oportunidades e desafios para as empresas”, às 13h, com palestra de  Henriette Reker, Prefeita de Colônia (AL).  E “Infraestrutura e Energia – oportunidades de crescimento” com a participação de Marisete Dadald, Secretária Executiva de MME e Thomas Bareiss, Vice Ministro, Ministério Federal  de Assuntos econômicos e Energia – BMWi, tendo como moderador Wagner Cardoso, Gerente Executivo de Infraestrutura da CNI. Além de mais dois painéis “Digitalização e produtividade: Soluções estratégicas para PMEs”, e “Saúde e educação – Qualidade na vida da indústria 4.0”. Todos os paineis terão debatedores.





continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários