"RN Autoral" vai encher as rodas com músicas inéditas

Publicação: 2017-08-08 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Com o objetivo de fortalecer a cena autoral do samba e do choro no Rio Grande do Norte, um grupos de compositores se reuniu para criar o projeto “RN Autoral – Do Samba ao Choro”. A iniciativa abriu inscrições para letristas residentes no estado enviarem suas composições. Do total de inscritos, foram selecionadas 20 letras que ganharam arranjos e foram parar num caderninho de partituras.

Os compositores, junto a músicos convidados, passaram a trabalhar o repertório em ensaios e agora a roda de samba e choro está pronta para ser apresentada ao público numa temporada de quatro shows até o fim do ano, com gravação de um  DVD na última apresentação. Os shows serão sempre na segunda quinta-feira de cada mês. A estreia será já nesta quinta, dia 10 de agosto, a partir das 19h, no Bar de Nazaré (Cidade Alta), com entrada gratuita.

Sambistas cariocas Didu Nogueira, irmão de João Nogueira, e violonista Jorge Simas, participam de encontro com compositores potiguares no Bar da Nazaré, Zé Reeira e Terraço do Relógio
Sambistas cariocas Didu Nogueira, irmão de João Nogueira, e violonista Jorge Simas, participam de encontro com compositores potiguares no Bar da Nazaré, Zé Reeira e Terraço do Relógio

“O samba da gente é bom. Temos artistas com condições de chegar a mais gente e já existe um público em Natal interessada na produção local, que já canta as músicas autorais. O que queremos é divulgar ainda mais essas composições”, comenta o sambista Debinha Ramos, um dos compositores do projeto, que ainda conta com Marieta Maia, Maurício Souto, Raphael Almeida, Sérgio Farias, dentre outros. As músicas serão cantadas pelas cantoras Diana Rafaelly, Silvana Martins, Anna Fernandêz e Lara Rebeca.

Além das composições de artistas potiguares, o evento também presta homenagem a grandes compositores nacionais. Para a primeira etapa, o sambista João Nogueira será o artista homenageado. A obra do carioca será lembrada pelo cantor e compositor Didu Nogueira –  filho da sambista Geisa Nogueira, irmã de João – e pelo violonista (violão de 7 cordas) Jorge Simas. Didu é um dos fundadores do bloco  Clube do Samba e atua como produtor cultural. Já Simas, compôs vários estilos de música, principalmente chorinhos e sambas, tendo em seu currículo a marca de já ter gravado mais de 5 mil faixas com importantes intérpretes.

Além da apresentação no projeto RN Autoral, a dupla fará participação  no show de Debinha Ramos, na sexta-feira (11), 19h, no Terraço do Relógio, no Sesc Cidade Alta, e no sábado (12), ao lado de Debinha e Anna Fernandêz, no Bar do Zé Reeira.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários