RN terá CT construído pela CBF com dinheiro da Copa

Publicação: 2014-10-28 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Durante o 3º Encontro Técnico das Categorias de Base, promovido ontem na sede da CBF, na Barra da Tijuca, a entidade máxima do futebol brasileiro anunciou a construção de 15 centros de treinamento para as divisões de base. Esses CTs serão erguidos nos estados que não receberam partidas da Copa do Mundo deste ano. O primeiro desses centros de treinamento já está em construção, em Belém, capital do Pará. Ainda serão beneficiados Acre, Roraima, Amapá, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins, Distrito Federal, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Alagoas, Espírito Santo e Santa Catarina.
Gallo afirma que CTs servirão para desenvolver a modalidade
A CBF espera pretende atender 720 jogadores por CT, num total de 10.800 jovens em todo o país. Os centros de treinamento serão construídos com o dinheiro que a CBF recebeu da Fifa por ter sido sede da Copa do Mundo.

Alexandre Gallo acredita que esse legado da Fifa ajudará na formatação do futebol brasileiro. “Serão centros de alto nível, onde vamos trabalhar não só o lado social, como também na formação da estrutura do futebol. Vamos passar para as federações locais aquilo que estamos aplicando na seleção”, disse.

Ainda assim, são necessários alguns ajustes na regulamentação, de acordo com o coordenador de bases, que afirmou contar com o auxílio do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, no processo.

TÉCNICOS
Na outra ponta da realidade, de acordo com um levantamento da Pluri Consultoria divulgado ontem, a soma dos salários dos treinadores chegou a uma média de R$ 3,9 milhões por mês, segundo o estudo. A liderança do ranking é dividida por Abel Braga, do Internacional, Mano Menezes, do Corinthians e Muricy Ramalho, do São Paulo, que recebem R$ 500 mil por mês. Em 2013, os três clubes também estavam na liderança do ranking.

O quarto lugar é ocupado pelo atual campeão brasileiro, Marcelo Oliveira. O cruzeirense recebe mensalmente cerca de 450 mil reais. Empatados no quinto lugar, estão Vanderlei Luxemburgo, do Flamengo, e Felipão, do Grêmio, com R$ 350 mil cada.


Deixe seu comentário!

Comentários