Roberto Fernandes faz suspense para jogo contra o Treze no Frasqueirão

Publicação: 2019-07-05 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O treinador Roberto Fernandes pode estar blefando ou os torcedores abecedista correm o risco de ir ao Frasqueirão para ver o ídolo Wallyson atuando apenas parte do jogo contra o Treze-PB. Na entrevista coletiva concedida antes do treino realizado ontem, o comandante do time potiguar disse que o atacante ainda não têm condições de atuar por mais de 30 minutos e, por isso, não será titular neste princípio de segundo turno. A parte do blefe, seria pelo fato de ter de enfrentar Luizinho Lopes, profissional que iniciou como auxiliar de Fernandes e conhece bem as “artimanhas” do comandante alvinegro.

Goleiro Edson, que vinha demonstrando insatisfação com as críticas da torcida, conversou com Roberto Fernandes e ficará no ABC
Goleiro Edson, que vinha demonstrando insatisfação com as críticas da torcida, conversou com Roberto Fernandes e ficará no ABC

Fernandes falou com bastante naturalidade sobre a questão, ressaltando que o atacante não atua num jogo de campeonato há  sete meses e que também vinha realizando tratamento de uma contusão.

“Wallyson tem tudo para ser titular, talvez nesse jogo ainda não. O atleta vem a mais ou menos sete ou oito meses sem participar de um jogo oficial, além disso, ele não vinha treinando, vinha realizando tratamento de uma lesão chata que sofreu. Com o grupo do ABC, está trabalhando igual aos demais jogadores a uns quinze dias. Você não tira oito meses de paralisação em quinze dias apenas! Mas por outra parte, Wallyson vem respondendo bem, evoluindo nos treinos sendo muito possível que faça parte do grupo que será relacionado para enfrentar o Treze”, ressaltou Roberto Fernandes.

O treinador acredita que já achou a base da equipe para trabalhar na Série C, antecipando que pretende mandar a campo, praticamente, a mesma equipe que enfrentou o Náutico, no Estádio dos Aflitos.

“O ABC já apresentou uma boa evolução na partida do Recife, conseguiu encarar o Náutico em igualdade de condições, mesmo com a gente realizando cinco estreias. Então esse é o grupo que me servirá como base para o restante das partidas”, argumentou Fernandes.

Na situação que o clube potiguar se encontra, não existe outra alternativa que não seja a vitória ante ao Treze de Campina Grande-PB, o adversário imediatamente a sua frente na tabela de classificação.

Para deixar a lanterna e subir para nona colocação, ainda na zona de rebaixamento, não basta ao ABC vencer o Treze, ele tem de golear para roubar a posição dos paraibanos nos critérios de desempate.  Essa situação é que está fazendo  o elenco abecedista encarar o próximo compromisso como uma decisão.

A crise com o goleiro Edson, segundo Roberto Fernandes, foi contornada. Ele disse que o atleta permanecerá no clube até o final da temporada. Fernandes também negou que a situação de insatisfação do atleta tenha sido causada pela condição de reserva.

“Essa insatisfação do goleiro vem desde o jogo contra o Imperatriz, quando mesmo sem jogar, Edson foi muito criticado e bastante visado pelos protestos dos torcedores. Então ali já começou a passar na cabeça dele essa ideia de deixar o clube. Ele conversou com a esposa, que o convenceu a ter mais um pouco de paciência e, agora, na conversa franca que tivemos, ficou tudo acertado e o atleta vai continuar defendendo o ABC. Quando as vitórias voltarem  a paz vai se instalar aqui novamente, futebol não tem segredo”, afirmou o treinador abecedista.

Treze
Com um novo comandante para estrear, o Treze não poderia ter escolhido um nome melhor que o de Luizinho Lopes para trabalhar o elenco visando o compromisso de amanhã, às 18 horas no Frasqueirão. O técnico potiguar conhece o adversário e o treinador como uma luva e está procurando passar para os seus comandados o exato retrato do que eles vão encontra em Natal.

“Luizinho é muito exigente, um profissional que valoriza muito a parte tática, onde costuma ser bastante detalhista. Ele também costuma estudar muito a equipe adversária e passa informações valiosas para que no momento de definir as melhores jogadas, não gere dúvidas  na gente dentro de campo”, afirmou o atacante Vágner.

O Treze que tem planos de estabelecer uma rota de fuga da zona de rebaixamento com a chegada do novo comandante, pretende dar início a essa meta já nesta partida em Natal. Para tanto terá de bater o ABC e torcer para o Globo não vencer do Confiança. Neste caso o cenário dentro do grupo A ficaria desastroso para o futebol potiguar, com os dois representantes dentro da zona de rebaixamento.










continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários