Robinson de volta à Band

Publicação: 2014-09-25 00:00:00
As propostas do candidato Robinson Faria (PSD) para a política fiscal e tributária do Rio Grande do Norte foram comentadas em entrevista ao Repórter Cidadão, da Band nesta quarta-feira (24). Robinson defendeu uma gestão técnica para administrar o Estado e falou sobre seus projetos no setor.  “Vamos reestruturar o Programa de Apoio ao Desenvolvimento Industrial do Rio Grande do Norte, além de incentivar a instalação de novas empresas, ajudando no desenvolvimento econômico do Estado”, destaca Robinson.
O vice foi entrevistado no programa conduzido pelo jornalista Robson Carvalho, na Band-Natal
Sobre a cadeia da energia eólica, Robinson disse que irá incentivar a atração de empresas que produzam os equipamentos (pás, torres) e insumos da indústria eólica. “Temos o potencial de energia eólica e as empresas geram energia aqui, mas não fica quase nada para o Estado. Lutarei para mudar essa realidade e gerar mais emprego e renda para a população”.

De acordo com o candidato, o Governo do Estado precisa fomentar a política de atração de novas indústrias para o Estado, principalmente para o interior desenvolvendo a interiorização da economia. “As nossas cadeias produtivas precisam da mão amiga do Estado e no nosso governo iremos garantir esse apoio. Falo em relação a fruticultura, a carcinicultura, a bonelaria e até o artesanato”, frisa.

O Rio Grande do Norte é o Estado com menor renúncia tributária, dado que para Robinson tem sido o motivo da migração das empresas instaladas no RN para outros Estados. “As empresas do Rio Grande do Norte estão migrando para os estados da Paraíba, Ceará e Pernambuco e estamos perdendo empregos. Vamos recuperar e atrair empresas para o nosso Estado”, justifica. 

Robinson falou ainda sobre a parceria com a cadeia produtiva do Turismo, os projetos de ampliação do turismo gastronômico, religioso e de esporte e ainda a redução do querosene de aviação. “Temos que ter um governador que pense nos próximos 50 anos, na próxima geração. E eu estou pronto para planejar o nosso Estado”, comenta.

As propostas na área de educação, saúde pública e segurança também foram apresentadas. “Vamos trabalhar para ser o melhor governador da história do Rio Grande do Norte”, comenta o candidato. (Divulgação da assessoria)