Sérgio Soares vê pontos positivos na derrota do ABC

Publicação: 2019-05-21 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Longe de ter a estreia desejada na equipe do ABC, o treinador Sérgio Soares acredita que a troca do centroavante Hélio Paraíba pelo volante Anderson Pedra, não foi determinante para virada sofrida pelo time natalense na partida diante do Botafogo-PB. O novo comandante abecedista classificou o revés como uma anormalidade, uma vez que a equipe sofreu dois gols em jogadas iniciadas com lateral pelo adversário. O clube continua buscando reforços e negocia como atacante Moisés, que atuou pelo Vila Nova-GO.

Sérgio Soares terá uma semana de trabalho antes do jogo contra o Santa Cruz
Sérgio Soares terá uma semana de trabalho antes do jogo contra o Santa Cruz

De qualquer forma Soares disse que terá agora uma semana para poder observar com mais atenção o grupo e avaliar a necessidade de contratação de novas peças, uma vez que o objetivo traçado pela diretoria é considerado ousado dentro da Série C, bem como dentro de um grupo que está marcado pelo equilíbrio técnico entre as equipes.

“Perdemos a partida em duas bolas originadas em laterais, nosso sistema defensivo vinha bem e não me lembro do Edson ter realizado nenhuma grande defesa antes de sofrermos  os gols. Anderson Pedra entrou para dar uma consistência maior ao meio-campo e não foi isso que determinou o resultado final. O adversário não envolveu a gente depois dessa modificação, mas vacilamos e quando isso acontece a equipe acaba pagando caro”, salientou Sérgio Soares.

O técnico, apesar do resultado negativo, acredita que a equipe alvinegra se apresentou bem e classifica a derrota como uma boa fonte de observação das situações que levaram o clube a sofrer a virada do Botafogo-PB. “Não foi que o time deles veio aqui e dominou o ABC por completo, podemos até classificar como uma fatalidade levando em consideração a forma que levamos os dois gols”, disse.

A semana será de complemento de avaliação do elenco, agora depois de ver a equipe em atividade numa partida, o treinador abecedista disse que poderá realizar uma observação mais abalizada. “Vamos continuar observando o desenvolvimento desse grupo, para saber se iremos necessitar trazer mais reforços neste primeiro momento. Novas peças só irão chegar aqui se considerar que existe necessidade”, ressaltou.

O problema ocorrido na cobertura do estádio, que provocou a evacuação da área das cadeiras e a parte destinada à torcida visitante no módulo 1 do Frasqueirão, foi provocado por duas telhas que estavam escoradas apenas por tábuas, mas que se soltaram com a ação do vento. A Divisão de Busca e Salvamento do Corpo de Bombeiro foi acionada para comparecer ao local, a fim de retirar as telhas de alumínio que estavam soltas e colocavam em risco tanto parte dos torcedores presentes ao estádio, quanto alguns transeuntes que circulavam pelo lado de fora da praça esportiva.

“Nós realizamos a ação emergencial, mas o próximo passo será os administradores do Frasqueirão organizar essa questão do telhado. A parte da infraestrutura do projeto será avaliada pelo pessoal da Engenharia do Corpo de Bombeiros”, disse capitão Avelino, oficial de operações da divisão de Busca e Salvamento.

Bombeiros foram acionados para prender as telhas soltas no estádio Frasqueirão
Bombeiros foram acionados para prender as telhas soltas no estádio Frasqueirão

Com o registro da ocorrência o estádio deve passar por uma nova inspeção técnica, para saber se há condições de funcionamento com a obra no setor de cabine de imprensa e dos  camarotes, em andamento. Em caso de qualquer restrição os jogos do clube serão transferidos para Arena das Dunas. 

O projeto de recuperação das partes metálicas da cobertura do Frasqueirão foi iniciado no dia 15 de março, com prazo de duração de quatro meses. Os recursos para obra são da ordem de R$ 250 mil. A recuperação foi exigida após a realização de uma vistoria da equipe do CREA ao local, em janeiro. Agora o projeto de reforma dividido por módulos, justamente para não se promover a interdição de toda área destinada a imprensa,  se encontra na segunda etapa.





continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários