Semurb faz 31 notificações a comerciantes da praia

Publicação: 2020-01-14 00:00:00
A+ A-
As operações de fiscalização no último fim de semana da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) resultaram em 31 notificações aos quiosqueiros, locatórios e ambulantes com pontos fixos na Praia de Ponta Negra, zona Sul, por descumprimento ao Plano de Ordenamento. E mais a interdição de um parque de diversões sem licença, no bairro do Alecrim, na Zona Leste na última sexta (10).

Créditos: semurbFiscalização contou com Corpo de Bombeiros e Polícia MilitarFiscalização contou com Corpo de Bombeiros e Polícia Militar
Fiscalização contou com Corpo de Bombeiros e Polícia Militar

As ações na Praia de Ponta Negra contaram com a participação da Secretaria de Serviços Urbanos (Semsur), do Grupamento de Ações Ambientais da Guarda Municipal (GAAM/ GMN) e da Companhia Independente de Policiamento Turístico ( CIPTUR). Além das notificações foi feito também um trabalho educativo prestando orientações aos comerciantes sobre as regras do Plano de Ordenamento.

“O Plano de Ordenamento delimita as áreas da praia de forma sustentável estabelecendo-se as normas gerais e especiais relativas à localização, funcionamento e posturas aplicadas a todas as atividades desenvolvidas. Pelo ordenamento, foi estabelecido que quiosqueiros e locadores poderiam ter 15 jogos de mesas, cadeiras e guarda-sóis, além de áreas destinadas a prática de esportes, atividades náuticas e de pescadores”, explica o supervisor de fiscalização de plantão, Iang Chaves.

Nesta terça-feira (14), será realizada à última reunião com as pessoas que foram notificadas para serem prestados esclarecimentos e orientações para eles. Ainda de acordo com o supervisor de fiscalização da Semurb, após essa última reunião a ser realizada, caso os comerciantes não obedeçam às regras do Plano de Ordenamento, serão aplicadas multas, além da apreensão dos materiais de trabalho.

Já no fim da tarde da sexta-feira (10) um parque de diversões foi interditado, na Rua dos Pajeús, no Alecrim, pela ausência de licença de uso do espaço público e também pela falta das especificações de segurança do Corpo de Bombeiros. A estrutura montada do parque era em prol da comemoração da festa do padroeiro São Sebastião. A ação contou com a participação do Corpo de Bombeiros e Policia Militar.






Deixe seu comentário!

Comentários