Sertanejo aguarda sinal de São José

Publicação: 2019-03-19 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Mariana Ceci
Repórter

"Aquele dia é para ele [o sertanejo] o índice dos meses subsequentes. Retrata-lhe, abreviadas em doze horas, todas as alternativas climáticas vindouras. Se durante ele chove, será chuvoso o inverno; se, ao contrário, o sol atravessa abrasadoramente o firmamento claro, estão por terra todas as esperanças". O trecho, extraído da obra “Os Sertões”, do jornalista Euclides da Cunha, é de 1902. Cento e dezessete anos depois, no entanto, a fé do sertanejo no dia de São José permanece viva: todos os anos, no dia 19 de março, devotos aguardam ansiosos a vinda das chuvas, que muitos acreditam que vai indicar como será o resto do inverno.

Em Angicos, município a 171km de Natal, tradição da celebração do santo reúne milhares de fieis
Em Angicos, município a 171km de Natal, tradição da celebração do santo reúne milhares de fieis

Este ano, as previsões dos meteorologistas são positivas não apenas para os devotos do santo, mas para todos que aguardam um bom inverno, capaz de amenizar a situação deixada por seis anos consecutivos de seca que atingiram o estado. De acordo com a Empresa de Pesquisas Agropecuárias do Rio Grande do Norte (Emparn), a previsão para esta terça-feira (19), é de chuvas não apenas para a região do semiárido, mas para todo Rio Grande do Norte.

No estado, diversas cidades e paróquias têm o santo como padroeiro: vão acontecer missas solenes e procissões nos municípios como São José do Campestre, Rodolfo Fernandes, Coronel João Pessoa, Umarizal, Assú e Carnaúba dos Dantas. A mais famosa das celebrações, no entanto, acontece no município de Angicos, 171 km distante da capital. O arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha vai celebrar a missa solene, que acontece às 9h e costuma atrair fiéis de municípios vizinhos. No fim da tarde, às 16h, acontece a missa de encerramento, seguida por uma procissão que percorre as principais ruas da cidade.

O padre de Angicos, Jailton Soares, explica que a relação feita entre a chuva e o dia de São José, pelo sertanejo faz parte da fé desenvolvida localmente. “Ele [São José] é o patriarca do Novo Testamento, e foi declarado pelo papa Pio IX como o patrono universal de toda igreja católica. A Igreja nasceu debaixo do teto de São José. Com o passar do tempo, a devoção vai se revestindo de características próprias, locais, como a do sertanejo, que tem no dia de São José a esperança da chuva e de um bom inverno”, afirma o padre.

Independente da celebração, no entanto, o Rio Grande do Norte  vem apresentando balanços de chuvas positivos em 2019. No mês de fevereiro, a análise pluviométrica da Emparn registrou que as chuvas ficaram 31,8% acima da média para o período. A Empresa afirma que o fenômeno El Niño deve continuar atuando com intensidade de franca a moderada sobre o Oceano Pacífico, comportamento favorável à ocorrência de chuvas no Nordeste brasileiro.

Aos poucos, o Rio Grande do Norte começa a sair do ciclo de seca e recuperar parte de suas reservas hídricas, que ainda se encontram em níveis críticos - o Governo do Estado prorrogou, no último dia 12, a situação de emergência pela seca em 148 dos 167 municípios potiguares.

De acordo com os especialistas, no entanto, um único inverno não é capaz de restabelecer completamente as reservas hídricas do Estado, que se encontram em 23,38% de sua capacidade. Em um ano, o nível dos 47 reservatórios do RN dobrou. No mesmo período de 2018, o volume de água armazenada correspondia a 11,53% da capacidade das barragens. Para o departamento de meteorologia da Emparn, é possível esperar uma recarga parcial dos reservatórios, entre 40% e 50%.

Programação
Confira as cidades e paróquias que vão ter missas solenes e procissões em homenagem ao dia de São José. O horário das missas de encerramento, de acordo com as dioceses e a Arquidiocese de Natal, é às 16h.

Angicos:
9h, missa solene, presidida por Dom Jaime

16h missa de encerramento seguida pela procissão

São José de Campestre

Natal (paróquia de Cidade Nova)

Mossoró (paróquia do bairro São José)

Rodolfo Fernandes

Coronel João Pessoa

Umarizal

Assú











continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários