A rádio Jovem Pan News Natal decidiu entrar em campo de verdade. Além das coberturas esportivas já tradicionais, a emissora potiguar passa a ser parceira da Liga Norte-rio-grandense de Futebol 7 e organiza a 1ª Copa Jovem Pan News 2021, com início na próxima sexta-feira (29), na Dunnas Sports, em Nova Descoberta.
alex régis
As partidas serão disputadas na Arena do Dunnas Sports que fica no bairro de Nova Descoberta e poderá receber público

As partidas serão disputadas na Arena do Dunnas Sports que fica no bairro de Nova Descoberta e poderá receber público

“O evento está dentro da estratégia de marketing e promoção de conteúdo esportivo da emissora, que é referência na cobertura e transmissão de campeonatos futebolísticos. A Jovem Pan News Natal, não valoriza apenas as modalidades profissionais, mas também muitas iniciativas que proporcionem o entretenimento das pessoas através de diversas modalidades de esporte”, explica o diretor da rádio, Erasmo Magno. A Copa Fut7 Jovem Pan News Natal, é uma parceria na modalidade de Naming  Rights entre a LNF do RN e o Sistema Tribuna de Comunicação, com a rádio assinando a realização do evento.

O torneio acontecerá dentro do campeonato da federação, ocupando a primeira fase, disputada em formato de copa. Entre os times participantes, estão os tradicionais, ABC, América e Alecrim, além de outras relevantes equipes tradicionais na modalidade. Ao todo são 24 equipes melhores ranqueadas divididas em seis grupos com quatro times cada. Classificam-se os dois primeiros de cada grupo para a fase seguinte e mais os seis melhores terceiros colocados. A partir daí tem início a fase “mata-mata” com os cruzamentos olímpicos, ou seja, o melhor colocado enfrenta o pior classificado, até a decisão.

“Quem for assistir a competição vai ver jogadores de muita qualidade. Com toda certeza os torcedores irão identificar craques entre os times que eles gostariam que estivessem vestindo as camisas de ABC ou América. É possível até que muitos fiquem com raiva dos dirigentes dos seus clubes”, brinca André Fontes, da Liga.

A competição terá ampla divulgação e cobertura, com as transmissões dos jogos, bem como as chamadas de envolvimento e boletins de atualizações na programação do 93,5 FM. Nos canais digitais a torcida irá acompanhar tudo sobre o torneio, resultados e expectativas das rodadas.

“Sendo uma Rádio multiplataforma, a torcida poderá acompanhar as transmissões de vários formas. A cobertura será feita pela equipe do jornalismo esportivo do Sistema Tribuna, contando na reportagens de Ícaro Carvalho, Anthony Medeiros; Ivan Nunes e Ricardo Silva narrando, com os comentários de Itamar Ciríaco e Ricardo Santos fazendo interação com a audiência, ou seja, equipe completa”, antecipou Erasmo Magno.

Carlos Kabelo, também da Liga, afirma que, com a presença da Jovem Pan News Natal, as competições da modalidade, no Estado, mudam de patamar. “Tudo cresce de uma forma exponencial. A cobertura da Jovem Pan vai garantir aos times e aos jogadores uma visibilidade inédita. Vamos mostrar para muito mais gente a organização desse esporte que tem várias divisões e uma enorme quantidade de clubes e de atletas”, analisou.

“O Fut7 tem competições em muitas categorias. Desde o sub-7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18, temos adulto, temos o feminino e ano que vem estamos na expectativa de lançar o master.  Ou seja, é muita equipe. Só no adulto nós temos quase 80. Em todas as categorias nós temos em torno de 160 equipes”, exemplifica André Fontes.

Craques
A competição é um verdadeiro celeiro de craques. Os destaques aparecem por todos os lados. Kabelo cita Val, que foi campeão da Copa do Brasil pelo Flamengo e disputa o torneio pela equipe do Ache Aqui de Macaíba. “Não tem nem o que falar de um jogador desses. Até pouco tempo era artilheiro lá. É um cara que tem um chute muito forte e ainda consegue ali se destacar apesar de já estar com uma certa idade. Tem o Rodriguinho do América, que tem 26 anos já atuou no futebol de campo e tem uma história interessante com ele. 
itamar ciríaco
Carlos Kabelo e André Fontes, da Liga, organizam o certame

Carlos Kabelo e André Fontes, da Liga, organizam o certame

Na época de Leandro Campos o técnico quis levar ele para o futebol profissional e ele decidiu optar por ir jogar em Mossoró e acabou não dando certo. Ele se desenganou com o futebol e hoje prefere jogar recebendo por partida, afinal ele tem o trabalho dele. Mas considero ele um dos melhores jogadores de Fut 7 do Nordeste. É um cara que vale à pena assistir. Ele cola a bola no pé”, comenta Kabelo.

A competição não envolve apenas clubes de futebol de Natal ou da região metropolitana. São representantes, por exemplo, de Touros, Nova Cruz, Santa Cruz, Parnamirim e Macaíba. “Tem time do estado quase todo. A gente só não tem hoje, por exemplo, Mossoró, ou na região ali de Ceará-Mirim, por exemplo, porque a gente tem pólos lá. Então a gente já tem competições específicas lá onde depois fazemos um torneio reunindo os campeões de cada região”, diz.

Torcida
De acordo com a Federação, as arenas não ficam lotadas e os jogos acontecem predominantemente no Dunnas Sports. Lá, também existe um controle de entrada para evitar que haja aglomerações, proibidas pelo decreto governamental devido a pandemia de covid-19.

“O Dunnas tem uma estrutura muito boa, inclusive com cabines de transmissão melhores do que muitos estádios por aí, estará sendo trocado o gramado e para os torcedores é gratuita a entrada. Pode ir, respeitando os protocolos e sabendo que tem um controle na portaria para evitar superlotar para manter o distanciamento mínimo necessário”, explica Kabelo.  

Grupos

Grupo 1
n ABC
n Largadense
n Independente Tirol
n APG

Grupo 2
n Ajax
n Corpo e Saúde
n Manchester
n Seleção FC

Grupo 3
n América
n Barcelona
n Benfica
n Udinese

Grupo 4
n Alecrim
n CSA
n Bairro Latino
n Imperial Natal

Grupo 5
n Esperança Dortmund
n ADP
n SEP RN
n CP2 FC

Grupo 6
n Roma MFC
n Ache Aqui
n Real Alecrim
n Grêmio Natal

O Fut7
História
O Futebol Society foi criado na década de 80 e na época tinha o nome de Futebol 7, porque a Receita Federal não aceitava o registro em outro idioma de uma entidade esportiva. Foi aí que nasceu a Federação Futebol 7, de origem gaúcha, embora o esporte já fosse praticado em vários estados do país. Na época, os responsáveis pela entidade solicitaram para a Receita Federal o uso do nome fantasia Futebol Society, e assim a modalidade passou a ser chamada oficialmente.

‘Futebol Suiço’
Além do seu nome comum, o Futebol Society também é conhecido no Brasil como Futebol Suiço. Esse nome surgiu por conta do estado do Rio Grande do Sul, que iniciou o movimento chamado Futebol Sete, nome criado pelos gaúchos para o Futebol Society. Até hoje existe um impasse com relação à origem da modalidade, uns diziam que se chamava Futebol Suíço e que nasceu na cidade de Santana do Livramento, divisa com Uruguai, em 1965, indo para Santa Maria e depois para Porto Alegre. A partir daí, o esporte foi implantado em 1980, atravessou os estados e chegou aos seus vizinhos: Santa Catarina e Paraná.

Regras
A regra também é diferente na duração da partida: o total do futebol tradicional é de 90 minutos, mas no Society é de somente 50 minutos, divididos em tempos de 25 minutos; A arbitragem é reduzida no Futebol Society: ela deve ser composta somente por dois árbitros, enquanto no tradicional há o árbitro oficial mais 3 assistentes.
 
Diferenças para o Futebol
Os times do Futebol Society devem ter apenas sete jogadores, enquanto no tradicional as equipes têm onze; Grama sintética para Futebol Society são aliados. Enquanto o campo do futebol tradicional tende a ser de grama natural, embora a artificial já seja utilizada em diversos estádios; O campo do Futebol Society também tem regras bem específicas, já que ele é sempre menor em comparação à versão clássica. Montar uma quadra de Futebol Society significa atender às medidas de 45mx25m, podendo chegar a 55mx35m, no máximo. Sempre com grama futebol sintética. Inclusive, o tamanho menor do campo e o uso de grama sintética são dois fatores que fizeram o Futebol Society ser aderido por várias pessoas, já que é mais fácil praticá-lo em locais com tamanho reduzido e simular o gramado com a versão artificial, sem comprometer o andamento do jogo

Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte