Técnico português deixa Potiguar após duas rodadas de Estadual

Publicação: 2021-03-01 10:09:00
Caiu o primeiro técnico do Campeonato Potiguar. O português Luís Miguel anunciou seu desligamento do Potiguar de Mossoró após estreia com duas derrotas em dois jogos no certame. O estopim foi a goleada por 4x0 contra o Assu, afundando o Time Macho na lanterna do Estadual.

Créditos: Yhan Victor/ACDP


saiba mais

Em uma rede social, o lusitano afirmou 'não concordar com algumas questões desportivas' como motivo para a saída: "Venho informar a todos a minha saída do time Potiguar/RN. Desde já deixo meu agradecimento pela oportunidade do período junto ao time. Porém como o trabalho não está fluindo e por questões pessoas e não concordar com algumas questões esportivas do clube, decidi encerrar esse ciclo. Agradeço a cada um que acreditou no meu trabalho", afirmou.

O trabalho do português no comando do Potiguar durou 21 dias. Essa foi a segunda passagem do comandante pelo futebol potiguar. Em 2008, foi técnico do Coríntians de Caicó.

Polêmica
Os resultados negativos, inclusive, motivaram protestos da torcida já neste domingo. A casa do atleta, em Mossoró, foi alvo de pichação durante o intervalo com palavras de ordem contra os atletas.

A fase ruim fez com que o elenco passasse por mudanças precoces. Vários jogadores deixaram o clube, como goleiro Renato, os laterais Teles e Lucas Gama, e os meias André Beleza e Fabiano Weege. Outro a não fazer mais parte do plantel é o lateral Matteus Gaúcho, que em uma rede social fez insinuações a respeito dos bastidores do clube. "Meu pai e minha mãe me deram princípios, vagabundos sem caráter se vendem".

Leia também: