Técnicos nordestinos não resistem a maus resultados

Publicação: 2017-02-17 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Após a demissão de Marquinhos Santos no Figueirense, outros três clubes anunciaram as saídas dos seus treinadores nesta quinta-feira, como consequência de eliminações precoces na Copa do Brasil, na noite passada. Ceará, Fortaleza e Náutico já procuram por novos técnicos para a sequência da temporada.
Adriano AbreuGilmar Dal Pozzo fez desabafo momentos antes da demissãoGilmar Dal Pozzo fez desabafo momentos antes da demissão

Gilmar Dal Pozzo e seu auxiliar Luciano Cardozo deixaram o Ceará em razão da derrota por 1 a 0 para o Boavista, resultado que eliminou o time cearense da Copa do Brasil. Pelo novo formato da competição, a primeira fase é disputada em jogo único e o visitante, de melhor ranking na CBF, joga por empate para avançar à segunda fase.

Após a partida, Gilmar Dal Pozzo chegou a dizer que estava bastante triste com o resultado que eliminou o time da Copa do Brasil. O treinador também disse que a derrota só aconteceu por conta de um "erro gravíssimo" da arbitragem.

Dal Pozzo conquistou uma boa porcentagem de aproveitamento à frente do Ceará, com quase 63%. Em nove jogos, foram cinco vitórias, dois empates e duas derrotas. Ao chegar no aeroporto, em Fortaleza, o técnico foi abordado por torcedores e, alguns mais exaltados, chegaram até mesmo a ameaçar Gilmar para sair do comando do time que disputa a Série B.

No Fortaleza, que disputará a Série C do Campeonato Brasileiro, Hemerson Maria não resistiu à eliminação para o São Raimundo-PA - em derrota por 2 a 1, fora de casa - e deixa o clube na terceira posição do Campeonato Cearense. Ele comandou o elenco em treze jogos e teve cinco vitórias, seis empates e apenas duas derrotas em cinco meses no clube. Agora a diretoria cearense vai ao mercado em busca de um substituto, que deve chegar ainda nesta semana.

Mesmo com números bons à frente do elenco, o treinador penou para dar ritmo de jogo e não conseguia demonstrar um futebol vistoso dentro de campo, como pedia o diretor de futebol César Sampaio. Aos poucos foi perdendo força com a direção do clube e acabou se desligando do clube após a derrota da última quarta-feira. A rescisão foi amigável e o treinador agora está livre no mercado para buscar um novo clube.

Também atuando fora de casa em sua estreia na Copa do Brasil, o Náutico caiu diante do Guarani de Juazeiro por 1 a 0. E a queda precoce na competição nacional custou o emprego de Dado Cavalcanti no time pernambucano, que vai disputar a Série B do Brasileiro.

Antes da queda de técnicos nestes três times, o Figueirense anunciou a saída de Marquinhos Santos ao fim da derrota para o Rio Branco, no Acre, pelo placar de 1 a 0. O resultado eliminou o time catarinense logo em sua estreia na Copa do Brasil. Poucas horas depois o clube que também disputará a Série B neste ano anunciou a contratação de Márcio Goiano.



continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários