Terra treme

Publicação: 2020-09-04 00:00:00
Rosalie Arruda
rosaliearruda@uol.com.br

Não sei se a terra por aqui costumava tremer com tanta frequência como agora, mas, diante dos constantes tremores que o LaBSis tem registrado, o país vai precisar investir no monitoramento. Taí o professor da UFRN e Coordenador do LabSis Aderson Nascimento fazendo o alerta.   “No Brasil temos terremotos com potencial de prejudicar grandes estruturas, como barragens, por exemplo. Esse conhecimento é importante para quem faz análise de risco, estuda o cenário para exploração de riquezas ou busca subsídios para prospecção mineral e petróleo”.

O assunto precisa ser seriamente levado em consideração pelas autoridades.

Segredo de Justiça
O conselheiro Gilberto Jales, do Tribunal de Contas do Estado, determinou caráter sigiloso ao processo que tramita na Corte e analisa a aquisição de respiradores pulmonares mecânicos, pela Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN -SESAP, através do Consórcio Nordeste. A medida é para viabilizar o “compartilhamento de informações”, uma vez que tramita na Justiça Baiana, sede do Consórcio Nordeste, processo com o mesmo objetivo, também em segredo de justiça.

Para que justiça?????
Desde que o mundo é mundo a corda sempre rompe do lado dos mais fracos. Então, com relação à reforma Administrativa do Governo Bolsonaro não poderia ser diferente. Primeiro vem os privilégios para os militares, judiciário e legislativos, as sobras ficam para o restante do funcionalismo.
 
E assim caminha o Brasil!!!

Acentuando os privilégios
A ironia da proposta do governo está no quesito que prevê o fim das férias de mais de 30 dias e a aplicação de aposentadoria compulsória, exclusivo do judiciário, e ineficaz para os demais profissionais.

Vai ficar a cargo do Congresso Nacional aparar as arestas e melhorar a proposta apresentada.

Infraestrutura
As cidades de Santana do Matos e Riacho de Santana vão receber recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional para aplicação em obras de infraestrutura e aquisição de implementos agrícolas. Os convênios foram celebrados em 2018 e 2019. Ao todo, a Sudene vai destinar R$ 1,7 milhão para 10 cidades de três estados brasileiros.  Os valores são de emendas parlamentares impositivas ao Orçamento Geral da União.

Despedida
A presidente do Avante, Karla Veruska, comunicou à governadora Fátima Bezerra que está deixando o cargo de subsecretária de Trabalho da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (SETHAS). Alegou novos desafios frente ao partido que preside, entre eles, o apoio da legenda à reeleição do prefeito de Natal Álvaro Dias. 

Checagem no pulso...
Depois do medidor de batimentos cardíacos, passos e pressão, chegou a vez dos eletrocardiogramas nos pulsos da população interessada. A Anvisa liberou a funcionalidade em relógios inteligentes no Brasil. Os aparelhos agora também podem atuar como dispositivos médicos, fazendo eletrocardiogramas e medindo a pressão dos usuários.

...e cautela
A Anvisa também não recomenda o uso das funções por grávidas e por pessoas com histórico prévio de doenças cardíacas, arritmia, diabetes, distúrbios neurológicos (como os que causam tremores) ou transtornos no sistema circulatório.

Em consulta
Devagar com o andor que o santo é de barro. Secretaria de Educação do Estado botando um pé no freio na decisão de recomeçar as aulas presenciais na rede estadual em outubro próximo.  Certamente, a Educação espera o resultado da enquete que pergunta se você concorda com o retorno.

Cidadão duas vezes

Um projeto de decreto legislativo que concede título de cidadão natalense ao ministro e presidente do STF, Dias Toffoli, apresentado pelo vereador Fernando Lucena (PT), causou discursos acalorados nesta quinta-feira, 03, na Câmara Municipal do Natal.

A justificativa apresentada pelo propositor foi de que o STF é o “guardião da constituição”. O vereador Cícero Martins (PP), bolsonarista declarado, não gostou da proposta e chamou o agraciado de “mercadoria estragada”.

Recentemente, a concessão de título de cidadão norte riograndense a Toffoli foi aprovada na Assembleia Legislativa pelo presidente Ezequiel Ferreira.

Saúde na Saúde
O Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT) lançaram ontem uma série sobre a realidade dos profissionais da saúde no Brasil, inclusive com sugestões de boas práticas a serem implementadas nos hospitais e clínicas do país.





Os artigos publicados com assinatura não traduzem, necessariamente, a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.