Tiago Orobó, o "coringa" do ataque

Publicação: 2019-11-08 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
O atacante Tiago Orobó, pernambucano, 25 anos, 1,90m tem uma carreira praticamente toda construída em clubes do Nordeste, com exceção de uma passagem pelo futebol do Kwait e outra no Paraná. O jogador reforça o América para a temporada 2020 e pode atuar como uma espécie de “coringa” no ataque Alvirrubro, uma vez que afirma se sentir confortável jogando tanto como fixo (camisa 9), como pelos lados do campo.

Créditos: Rodrigo AraujoTiago Orobó atuou pelo Maringá e chega ao América para a temporada de 2020 dizendo que a torcida pode esperar muita raçaTiago Orobó atuou pelo Maringá e chega ao América para a temporada de 2020 dizendo que a torcida pode esperar muita raça
Tiago Orobó atuou pelo Maringá e chega ao América para a temporada de 2020 dizendo que a torcida pode esperar muita raça

“Sou um atacante que gosto de jogar com a bola, de me movimentar. Apesar de ser alto, de jogar de centroavante, eu não gosto de ficar parado jogando lá na frente. Prefeito me movimentar e dar opções para meus companheiros e posso atuar pelos lados. Já atuei várias vezes nessa função e não vejo problema. Já atuei nessas duas funções, tanto centralizado, quanto pelos lados do campo”, explica, em entrevista à assessoria do clube.

Apesar de ser um jogador de ataque, Orobó, de acordo com dados do site O Gol, que acompanha a maioria das carreiras de profissionais do futebol, aponta que, nos últimos oito anos como profissional, o atleta marcou apenas 23 gols. A melhor temporada do reforço americano foi em 2017, quando ele atuava pelo Campinense e, em 21 jogos, marcou seis gols. Este ano, no Maringá, foram 11 jogos e três tentos anotados.

Tiago Orobó revela que tinha outras propostas, mas preferiu escolher o América para atuar. “Eu tinha outras propostas, mas logo que recebi a proposta do América não pensei duas vezes, pela grandeza do clube, pela sua torcida e pela sua estrutura, assim que surgiu o convite eu pedi para o meu empresário dar prioridade porque alguns amigos meus jogaram no América e sempre falaram muito bem”, explica.

Segundo o jogador, o calendário completo do clube na próxima temporada também foi determinante na sua escolha pelo futebol do Rio Grande do Norte. “Motiva qualquer atleta com certeza. Sabemos da responsabilidade que teremos e isso será bom. Jogar por um grande clube. Estou ansioso para que tudo possa acontecer e que 2020 possa ser um ano maravilhoso para o clube”, disse.

Orobó acredita que o América, apesar de saber que a disputa pelo acesso à Série C é um desejo maior de todos, o clube tem que entrar para ganhar em todas as competições que participará. “Temos que pensar grande em todas as competições. Sabemos que o objetivo um pouco maior do clube é o acesso para a Série C do Brasileiro, mas sabemos da importância que é ser campeão potiguar e vamos buscar esse título porque dá a vaga para a Copa do Nordeste que é importante financeiramente e aí sim no segundo semestre focar na Série D”, analisa.

O atacante finaliza a entrevista mandando um recado para os torcedores americanos sobre seu estilo de trabalho. “O que a torcida pode esperar de mim é muita vontade, muita garra e determinação. Isso eu vou mostrar no dia a dia e nos jogos”, conclui.






Deixe seu comentário!

Comentários