Trattoria Bolognese se renova

Publicação: 2020-03-06 00:00:00
Uma das centrais da legítima cozinha italiana em Natal, a Trattoria Bolognese está sob nova administração. Desde dezembro o restaurante está sob os cuidados dos irmãos Amaro Costa e José Maria Xavier – este, também proprietário do tradicional bistrô Dolce Vita, no Tirol. Os apreciadores mais antigos da casa, que já tem cinco anos e meio, não precisa se preocupar: os novos administradores mantiveram o mesmo cardápio, fizeram uns pequenos ajustes, e continuam servindo massas frescas e artesanais, feitas na hora. O sotaque mudou, mas o idioma na cozinha continua bem italiano.

Créditos: Alex RegisZé Maria Xavier manteve a essência da casa:Foi criado por um italiano, e fizemos questão de manter essa identidade. No menu, destaque para os espaguetes e as pizzasZé Maria Xavier manteve a essência da casa:Foi criado por um italiano, e fizemos questão de manter essa identidade. No menu, destaque para os espaguetes e as pizzas


O primeiro proprietário  se mudou para a Califórnia e deixou o restaurante sob outros cuidados, o que acabou chegando até Zé Maria, um restauranteur experiente que já conhecia as qualidades da trattoria, e aproveitou a oportunidade.  “O restaurante foi criado por um italiano, e fizemos questão de manter essa identidade na casa. Só mudamos o modelo de administração, mais profissional e focado na qualidade dos produtos”, afirma.  O restaurante é espaçoso e recebe até 70 pessoas.

Executivos
O cardápio segue focado na comida italiana da região da Bolonha. A massa continua feita artesanalmente, com as mesmas receitas. Zé Maria ressalta que fez apenas pequenos ajustes, e acrescentou um menu de pratos executivos para o almoço de quinta a sábado. São eles bife à milanesa com massa fresca, frango à milanesa, peixe grelhado com legumes no vapor e arroz de brócolis, e frango grelhado com arroz, purê e legumes. Os preços variam entre 22,90 e R$27,90. “Petrópolis e Tirol são repletos de restaurantes com self-service, então criamos essa opção para ficar mais competitivo nesse horário”, ressalta Amaro.

No mais, as iguarias tipicamente italianas da trattoria seguem fortes, para o deleite dos fãs de boas massas. As entradas oferecem brusquetas, berinjela à parmegiana, burrata caprese, tábuas de frios, e schiacciata, um tipo de pão tradicional da Itália central muito parecido com a focaccia. As pastas variam entre os tipos espaguete, tagliatelle, nhoque, e tortellini.

Créditos: Alex RegisDesde dezembro o restaurante está sob os cuidados dos irmãos Amaro Costa e José Maria XavierDesde dezembro o restaurante está sob os cuidados dos irmãos Amaro Costa e José Maria Xavier


Os espaguetes têm variações à carbonara (bacon e gema de ovo), faustino (camarões, muçarela e pimenta do reino), putanesca, alla matriciana, e massa negra com tinta de lula, camarão e bacon). A lasanha sai clássica à bolonhesa, e o tagliatelle com shitake. O segmento de risotos também segue suculento, em variaçoes com shitake, gorgonzola e mascarpone, carbonara, abobrinha trifolata, e camarão. Como segundo prato tem o contra-filé toscana e o filé mignon  com antepasto de berinjela.

As pizzas de massa fina e macia também continuam no menu. Destaques para as de pepperoni al pesto, siciliana, napolitana, shitake, e a tricolore (muçarela, presunto de Parma, rúcula e parmesão). Como sobremesa, iguarias típicas como  a panna cotta (base de creme de leite e gelatina com calda), e o tiramisu (creme de ricota, biscoito, cacau e café).  

Serviço:
Trattoria Bolognese. Av.

Rodrigues Alves, 658, Tirol. Aberto a partir de quarta, às 18h, e quinta a

domingo das 12 às 15h, e 18 às 23h. Tel.: 2010-9121