TRE vai agregar seções se não houver novas urnas

Publicação: 2020-01-09 00:00:00
A+ A-
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ainda não concluiu o processo de compra de novas urnas eletrônicas para as eleições municipais de 2020. No entanto, caso a licitação não seja bem sucedida em um tempo hábil para que os novos equipamentos possam ser usados na eleição deste ano, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) já se prepara para adotar medidas de agregações de seções eleitorais, a fim de que não se prejudique, as votações eletrônicas nos 167 municípios do Rio Grande do Norte, segundo informações Assessoria de Comunicação da instituição.

Créditos: Gabriela Korossy/Câmara dos DeputadosTribunal Superior Eleitoral pretende adquirir novas urnas eletrônicas para usar na votação deste anoTribunal Superior Eleitoral pretende adquirir novas urnas eletrônicas para usar na votação deste ano
Urnas eletrônicas precisam ser renovadas e aquisição está em processo de licitação

Hoje, o Tribunal Regional Eeleitoral conta com 9.240 urnas eletrônicas em disponibilidade, das quais 609 estão praticamente inservíveis, pois são do modelo de 2008 e estão com vida útil limite.

Nas eleições gerais de 2018, quando 2,37 milhões de eleitores estavam aptos ao  voto, a Justiça Eleitoral do Rio Grande do Norte distribuiu as urnas para 7.389 mesas receptoras de votos, porque 401 seções foram agregadas, totalizando 7.790 seções eleitorais.

Até dezembro do ano passado, o Rio Grande do Norte já contava com 2.396.179 inscrições eleitorais.

Eleitores
O TRE-RN orienta os eleitores que o começo do  ano é o período mais adequado para o acerto de pendências eleitorais. Por isso, a Corte orienta aos eleitores a não deixarem para a última hora a regularização do título, a transferência de domicílio e o alistamento eleitoral.

Para os eleitores que  precisam regularizar sua situação, emitir o título pela primeira vez ou realizar a transferência de domicílio, o TRE informa que os eleitores devem procurar atendimento nos Cartórios Eleitorais, de segunda à sexta, das 8 às 13 horas durante o mês de janeiro.

Em Natal, além dos Cartórios instalados no Fórum Eleitoral da avenida Rui Barbosa, Tirol, existem ainda postos de atendimento da Justiça Eleitoral no Shoppings, Centrais do Cidadão e na Antiga sede do TRE, no Centro da Cidade, próximo a parada Metropolitana.

O prazo para emissão de novos títulos de eleitores e para regularizar a situação junto ao TRE termina até o dia 6 de maio de 2020, período do fechamento do Cadastro Eleitoral de todo o país.