Cookie Consent
Natal
Vacina contra gripe tem pior adesão no Rio Grande do Norte
Publicado: 00:00:00 - 08/07/2021 Atualizado: 22:52:29 - 07/07/2021
Com apenas 39% de adesão, o Rio Grande do Norte tem em 2021 o pior resultado na vacinação contra a gripe. O número corresponde a 515.917 pessoas, que receberam a dose da vacina. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesap), a vacinação contra a influenza sofre anualmente com a falta de adesão. No entanto, em 2021, tanto nacionalmente, como em termos locais, tem sido o ano mais difícil.

Magnus Nascimento
RN recebeu R$ 1,1 milhão de doses para a campanha contra a gripe. Ação seguirá enquanto existam doses disponíveis

RN recebeu R$ 1,1 milhão de doses para a campanha contra a gripe. Ação seguirá enquanto existam doses disponíveis


Por conta disso, a Sesap orientou os municípios potiguares sobre a ampliação da campanha de vacinação contra a gripe (influenza), com objetivo de atingir a meta de imunizar 90% do público alvo. O Ministério da Saúde autorizou no sábado (3) que as vacinas sejam disponibilizadas para toda a população acima dos seis meses de idade e que a campanha permaneça enquanto houver estoque da vacina disponível.

No sábado, grande parte dos municípios do Rio Grande do Norte realizaram, após pactuação com a Sesap, o Dia D de vacinação contra a Influenza. O público total a ser vacinado no estado é de 1.295.751 pessoas e a campanha tem como meta vacinar no mínimo 90% deste grupo. Apenas a Região Metropolitana de Natal aplicou 9.556 doses da vacina contra a influenza no Dia D.

“Resolvemos ampliar a vacinação contra a Influenza para todos os grupos. O nosso objetivo é reduzir os casos graves de gripe que também pressionam o nosso sistema de saúde", explicou o ministro da Saúde ao autorizar a continuidade da campanha. 

O Rio Grande do Norte recebeu 1.181.600 doses para a campanha da gripe. Agora, a ação segue até existam doses disponíveis na rede de saúde, e sem restrições de público. Para a capital foram repassadas 300.840 doses. 

Em Natal, o total  de vacinados é ainda menor. Foram 71.342 pessoas vacinadas, o que corresponde a 22% da população natalense. Para facilitar o acesso da população a prefeitura disponibilizou dois pontos extras exclusivos para a influenza, um na zona Leste, na Praça Augusto Leite e um na zona Norte, no Ginásio Nélio Dias. 

Além disso, a população também pode procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de suas cidades. A documentação necessária é o cartão do SUS, e um documento com foto. Quem mora na capital deve levar um comprovante de residência. 





Leia também

Plantão de Notícias

Baixe Grátis o App Tribuna do Norte

Jornal Impresso

Edição do dia:
Edição do Dia - Jornal Tribuna do Norte