Valor

Publicação: 2019-11-05 00:00:00
Vicente Estevam (interino)jrvicente@tribunadonorte.com.br

Antes de ser eliminado pelo Flamengo, na Copa Libertadores da América, o técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, defendido por Romário para ser o treinador da Seleção Brasileira (Essa discussão fica para outra oportunidade) afirmou que com o dinheiro que o Rubro-negro estava investindo, ele formaria uma verdadeira seleção. A intenção era minimizar o trabalho realizado pelo técnico português, Jorge Jesus. No entanto, analisando os números atualizados em novembro, pelo site especializado, Transfermarket, fica claro que o comandante gremista não tem razão. Em números atuais, o valor de mercado do time carioca gira em torno de 125 milhões de Euros, ou seja, R$ 556 milhões. O Tricolor de Gaúcho ou dos gaúchos tem valor estimado em 121 milhões de euros – R$ 552 milhões.

Valor 1
Uma observação rápida nos números demonstra que R$ 4 milhões separam os dois elencos, o que evidencia uma certa equivalência em termos econômicos ao menos em relação ao valor de mercado das equipes, fazendo despencar o argumento de Renato Gaúcho e deixando ainda mais claro o bom trabalho executado por Jesus no clube do Rio de Janeiro. Com base nesses dados e acrescentando a análise a pontuação, por exemplo, na Série A do Campeonato Brasileiro, a tese do ex-camisa 7 toma uma segunda pancada. Disputada a 30ª rodada, o Flamengo acumula 71 pontos, contra 50 do Grêmio. São 21 pontos de vantagem, o que representaria sete vitórias a mais. O time carioca tem saldo de gols de + 79, contra + 56 dos gremistas.

Valor 2
Muitos defensores de Renato Gaúcho irão mencionar o fato de ele ter poupado atletas ao longo da Série A. Mas, em contra-argumento, também podemos citar que, sem poupar jogadores, o time de Jorge Jesus também é mais desgastado e sujeito a problemas físicos e médicos. Além disso, uma avaliação não pode ser deixada de fora e talvez seja a mais importante de todas: O bom futebol. Nesta rodada passada, assisti a um grande jogo do Grêmio contra o rival Inter/RS. Vitória Tricolor, com sobras, por 2 a 0. Mas, só uma atuação foi ainda melhor. A do Fla para cima do assustado Corinthians no Maracanã: 4 a 1 e demissão do Alvinegro Fábio Carille. Nesse jogo, mais um show de velocidade, objetividade, marcação pressão, interesse e manutenção da concentração do time por quase 90 minutos. Diante disso, Renato Gaúcho precisaria ser mais humilde e reconhecer o trabalho superior de Jorge Jesus.

Valor 3
No elenco do Flamengo, em termos de valores de mercado, chama atenção o fato de o atleta com maior peso positivo ser o Gabigol, cerca de 18 milhões de euros e, ao lado dele, o jovem Reinier, algo em torno de 15 milhões de euros. O time carioca, inclusive, não liberou sua “jóia” para a disputa da Copa do Mundo Sub-17, que estão sendo disputada no Brasil.

Verdão
Importantíssimo ver o Alecrim na decisão da Segunda Divisão do Campeonato Potiguar. Para uns isso pode parecer pouco. No entanto, o processo de recuperação não daria saltos. Ele é feito de um trabalho que tem que subir degraus, passo a passo. Estar na final é um desses desafios. Vencer e voltar à elite do futebol do Rio Grande do Norte é outro passo. Se manter e crescer para ocupar o lugar que já lhe pertenceu é a missão final para o “Verdão Maravilha”.

Verdão 1
E por falar em Alecrim, o trabalho realizado pelo jovem técnico Hugo Chacon é digno de elogios. Observando os jogos do Alviverde fica bem evidente a disposição tática do time, com marcação bem treinada e jogadas de ultrapassagens velozes (facões) dos atacantes em direção ao gol. Em duas jogadas assim, o time venceu o Atlético Potengi, por 3 a 0, jogando na Arena das Dunas, neste domingo (3). Os gols do Verdão foram marcados por Cleiton e Adílio (2 vezes). No placar agregado, 5 a 0 para o Alecrim. A final, será decidida em jogo único, com mando de campo da Federação. A FNF ainda não confirmou a data e o horário do confronto.

Tradição
O Encontro anual das torcidas organizadas do Vasco no Rio Grande do Norte aconteceu nesse fim de semana, na cidade de Baraúna, próximo a Mossoró. Segundo os organizadores, o evento contou com a participação de representantes de 70 cidades potiguares, reunindo cerca de 500 participantes. O convidado especial desse ano foi o ex-craque e ex-presidente vascaíno, Roberto Dinamite. Ano passado, o encontro contou com a presença de Mauro Galvão.

Seridó
O amigo Cesário Júnior publica em seu blog Terra da Xelita que, de ontem (4) até o dia 11, está sendo disputada a 17ª edição dos Jogos Municipais Esportivos e Culturais de Currais Novos – JOMEC. A competição, que é uma das principais no calendário esportivo do município de Currais Novos, conta com a participação de mais de 3 mil atletas de escolas municipais, privadas, estadual e Federal. Com tema “Esporte e meio ambiente: nesse jogo quem ganha é você!”, o JOMEC 2019 contará com 13 modalidades diferentes: Futsal, Handebol, Society, Vôlei in door, Vôlei de duplas, Queimada, Xadrez, Natação, Judô, Badminton, Dama, Atletismo e Tênis de mesa.