Velório de Sanderson Negreiros reúne familiares e amigos

Publicação: 2017-12-19 17:57:00 | Comentários: 0
A+ A-
O sepultamento do jornalista e poeta Sanderson Negreiros aconteceu no fim da tarde desta terça-feira (19) no Cemitério de Nova Descoberta. O corpo do intelectual estava sendo velado no Centro de Velório da Avenida São José, desde às 13h. Compareceram para prestar suas últimas homenagens parentes e amigos.

Sanderson morreu na manhã desta terça-feira (19), em decorrência de uma parada cardíaca. Ele estava em seu apartamento em Petrópolis. Filho único de Sanderson, Rodrigo Negreiros contou que o pai já vinha bastante adoentado.
Amigos e familiares se despediram de Sanderson Negreiros nesta terça-feira
Articulista da TRIBUNA DO NORTE e membro da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras, Sanderson ocupava a cadeira de número 40. Dentre suas publicações, destacam-se “O Ritmo da Busca", “Lances Exatos", “A Hora da Lua da Tarde", “Tardes do Alecrim", “Manhãs do Tirol" e “Noites da Ribeira".

Presidente da ANRL e amigo pessoal de Sanderson, o escritor Diógenes da Cunha Lima afirma que é uma perda irreparável. "Ele era uma figura singular. É impossível encontrar qualquer pessoa parecida. Também escrevia muito bem e só trouxe louros para o Rio Grande do Norte, sua obra só tem elogios. Ele era um leitor ávido. Ninguém lia mais que Sanderson, ele se interessava por todos os assuntos", relembra emocionado.

Em nota, o prefeito Carlos Eduardo lamentou a morte de Sanderson, destacando seu trabalho como jornalista. "Sanderson Negreiros foi um cronista da cidade, retratando em palavras, a vida nos bairros, os costumes e as gentes de Natal. Intelectual de grande formação humanística e teológica, ao mesmo tempo capaz de produzir poemas e uma narrativa lírica autêntica, adquirida como leitor dos grandes clássicos da literatura mundial", disse.

continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários