Velhos blocos se revigoram no Grandes Carnavais

Publicação: 2018-01-24 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
Ramon Ribeiro
Repórter

No processo de retomada do carnaval de Natal, muitos blocos novos tem surgido nos mais diversos bairros. Mas um gostinho da brincadeira de antigamente, de um jeito típico natalense de cair na folia, tem seu espaço afetivo na grande festa popular. Blocos alegóricos que marcaram os anos 70 e 80, como Ressaka, Kuxixo, Puxa Saco, Saca Rolha, Bakulejo, Jardim, Jardineiros e Psyu são resgatados num processo de retroalimentação que instiga o crescimento da festa de hoje. E nesse processo de trazer de volta o carnaval das antigas está o movimento Grandes Carnavais. O projeto chega ao seu terceiro ano em 2018, com programação ampliada, resgatando, desta vez, uma parte dos saudosos bailes de clube.

Com novo itinerário, Grandes Carnavais arregimenta os foliões tradicionais e novas gerações
Com novo itinerário, Grandes Carnavais arregimenta os foliões tradicionais e novas gerações

O Grandes Carnavais acontece nos dias 9 e 10 de fevereiro, com atrações de peso do carnaval carioca e locais, como a banda do Sargento Pimenta, bloco que toca versões dos Beatles em ritmo carnavalesco e que no ano passado levou 500 mil pessoas ao Aterro do Flamengo, e  a Bangalafumenga, que retorna ao carnaval de Natal depois de agradar os foliões de Petrópolis com seu repertório que passeia pelas mais diversas sonoridades da música brasileira. Dentre as atrações locais se apresentam a banda Detroit, os cantores Pedro Mendes, Sueldo Soaress e muitos outros.

Ano passado o trajeto dos blocos encerrava na Praça Pedro Velho (Petrópolis), em 2018 o destino final é no Aeroclube (Tirol), onde acontece o baile com cobrança de ingresso para quem não adquiriu a camisa dos blocos. Cada bloco “das antigas” terá sua camisa personalizada e uma alegoria.

O palco estará montado sobre o campos de futebol na área frontal do antigo clube. A sede fechada não será aberta. “Começamos retomando os antigos blocos do carnaval de Natal. Agora vamos trazer de volta para a festa os famosos bailes de clube que marcaram época”, diz Sérgio Fernandes, que ao lado de Dickson Medeiros (Meméia), organizam o projeto.

Bisneto de Alberto Maranhão, cantor e compositor carioca Rodrigo Maranhão é fundador da Bangalamumenga
Bisneto de Alberto Maranhão, cantor e compositor carioca Rodrigo Maranhão é fundador da Bangalamumenga

“Apostamos em atrações do carnaval carioca desde o primeiro ano. Já tivemos show do Monobloco e no ano passado trouxemos a Bangalafumenga, que é um sucesso no carnaval do Rio e que em Natal agradou muito. Resolvemos contar novamente com eles. Mas a novidade para este ano é a banda do Sargento Pimenta, bloco que arrasta centenas de milhares de pessoas no Rio com o repertório dos Beatles em versão carnavalesca”, comenta o Sergio Fernandes. O fundador da Bangalafumenga, o músico Rodrigo Maranhão, tem raízes potiguares e é bisneto do ex-governador Alberto Maranhão.

Atheneu e Aeroclube
A concentração dos blocos acontece no Largo do Atheneu, a partir das 16h, com shows de Jolian e Orquestra Maria Fumaça, no dia 9, e Rildo Lima e Carlos Zens, no dia 10. Durante o percurso, a Orquestra Frevo do Xico anima os foliões. O baile no Aeroclube começa sempre às 19h. No primeiro dia se apresentam a Banda Detroit, Sargento Pimenta, DJ Luís Couto e Bethoven no Sax; no dia seguinte, sobem ao palco Pedrinho Mendes, Sueldo Soares e BatuGroove, Bangalafumenga, DJ Mandaka e Bethoven no Sax.

A camisa dos blocos está sendo vendida ao preço de R$ 110 (1º lote), dando acesso ao baile no Aeroclube, no setor de camarote. O ingresso apenas para o baile custa R$ 70 (inteira) e R$ 35 para estudantes, idosos e clientes Claro, NET e Unimed.

Os Grandes Carnavais contam com apoio da Prefeitura do Natal, Lei Municipal Djalma Maranhão de Incentivo à Cultura, Unimed Natal 40 anos, UnP, Casa de Saúde São Lucas, Consórcio Redenção, Arena das Dunas e Hotel Holiday Inn Natal. Também apoiam o projeto o Shopping Cidade Jardim e O Boticário. Os Grandes Carnavais têm também apoio da Lei Estadual Câmara Cascudo de Incentivo à Cultura, Governo do Estado, Claro e NET.


continuar lendo



Deixe seu comentário!

Comentários