Workshop dá dicas de eficiência energética a empresas em Mossoró

Publicação: 2019-06-13 00:00:00 | Comentários: 0
A+ A-
A segunda edição do workshop Eficiência Energética, evento promovido pela Cosern e Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), e organizado pela TRIBUNA DO NORTE, nessa quarta-feira (12) na região Oeste do Rio Grande do Norte, teve a presença de grandes clientes da empresa em Mossoró e municípios vizinhos. O objetivo é passar orientações para uso racional da energia elétrica a partir da incorporação de novas rotinas e do advento de tecnologias já disponíveis. Especialistas do setor apresentaram as principais tendências do mercado, e demonstraram que investir na otimização dos recursos é a melhor maneira para se alcançar maior produtividade sem comprometer a qualidade do produto e/ou serviços prestados.

Segunda edição do Workshop teve a participação de representantes de grandes clientes da Cosern em Mossoró e municípios vizinhos
Segunda edição do Workshop teve a participação de representantes de grandes clientes da Cosern em Mossoró e municípios vizinhos

Durante todo o dia, representantes de empresas comerciais, indústrias e órgãos públicos, entre outros clientes do chamado “Grupo A” (grandes consumidores) que operam na região, acessaram informações e orientações técnicas sobre temas como climatização e iluminação eficientes.

Gestores do Grupo Neoenergia também passaram explicações sobre o programa de eficiência energética desenvolvido pela Cosern, além de detalharem o formato da chamada pública aberta pela empresa para receber propostas de clientes interessados em práticas de economia e sustentabilidade que visam proporcionar – justamente – a almejada eficiência energética.

O workshop da Cosern já ocorreu por Natal, no dia 30 de maio, e em agosto será promovido em Caicó, no Seridó potiguar.

“Eficiência energética é um tema bem atual que envolve vários aspectos econômicos, sociais e ambientais. Quanto maior a consciência para o uso racional dos recursos, menor a preocupação com bandeiras tarifárias e aumentos significativos de tarifas. Nosso objetivo nesse seminário é conscientizar grandes consumidores, e apresentar práticas que podem ser aplicadas a partir de hoje: são dicas de economia e de eficiência energética. Esse uso consciente traz ganhos de toda ordem para a sociedade”, destacou Talles Medeiros, gestor da regional Oeste da Cosern no Estado.

A programação do evento iniciou com palestra do gerente de relacionamento da Cosern Guilherme Gilson. Ele ressaltou os diversos canais de atendimento e comunicação que podem ser acionados – seja por telefone, e-mail ou aplicativos de mensagens instantâneas. “Estamos em constante aprimoramento para oferecer opções cada vez mais cômodas e eficientes aos clientes”, ressaltou.

Atualmente, os cerca de 4 mil grandes consumidores de energia elétrica no RN podem contar com atendimento, inclusive, através de aplicativo de mensagens instantâneas. Gilson ressaltou ainda que as ferramentas de atendimento também estão disponíveis para o consumidor residencial. “Estamos presentes em todas as redes sociais, além dos canais tradicionais por telefone”.

Lucíola Herculano, engenheira da unidade de eficiência energética do Grupo Neoenergia – Coelba (na Bahia) lembrou que “apesar do programa estar na estrada há muito tempo, ele ainda é pouco conhecido. Estamos realizando uma série de seminários, aqui no RN, Bahia e em Pernambuco (área de atuação do Grupo) para disseminar os objetivos do programa”.

Climatização eficiente
O conforto térmico está diretamente vinculado ao bem estar das pessoas, e exerce grande influência à produtividade de qualquer empresa. O tema é motivo de atenção, afinal o custo com climatização pode representar até 40% dos gastos com eletricidade de uma empresa, e o uso racional depende do perfil dos equipamentos utilizados e a configuração do sistema.

Existem várias maneiras de se conquistar a “eficiência energética” na climatização, e algumas delas foram apresentadas pelo palestrante convidado, especialista em sistemas de climatização, Tomaz Cleto.

Vice-presidente da ABRAVA (Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento), Tomaz mostrou como economizar a partir de algumas alterações e ajustes no sistema e substituição de equipamentos. “Vejo muitos profissionais técnicos trabalhando dentro de empresas para ‘apagar incêndios’, resolvendo questões pontuais como reduzir ou aumentar a temperatura de um determinado ambiente, uma rotina que não permite que ele compreenda o funcionamento do sistema e possa planejar maneiras de alcançar maior eficiência energética”, ressaltou.

O especialista também destacou que a construção de novos edifícios precisa considerar questões de climatização e iluminação no projeto arquitetônico de maneira a buscar maior eficiência.

Sobre o quesito iluminação eficiente, Marcos de Oliveira Santos, especialista em projetos de iluminação artificial, assegurou que está em curso um movimento de “ledificação” (uso de lâmpadas de LED) em todo o mundo. “Esse movimento ganhou ainda mais força este ano com o avanço tecnológico dos equipamentos que alcançaram um alto nível de IRC (índice de reprodução de cores) e de luminosidade, uma 'ledificação' não só de residências como também de áreas públicas e comerciais. A tecnologia avançou muito rápido, e hoje temos um tipo de LED para cada aplicação.

A tendência é que o valor dos equipamentos fique cada vez mais acessível”. Em breve, explicou, esse movimento dará um novo salto com a popularização de sistemas inteligentes controlados remotamente por computador; do sistema ‘li-fi’ (‘li’ de ‘light’), que fornece sinal de internet sem fio através das lâmpadas; e a luz centrada no ritmo biológico dos seres humanos com diferentes espectros de cor utilizando o mesmo equipamento.






continuar lendo


Deixe seu comentário!

Comentários