Braços vazios: Karla Álvares, mãe de Karol Álvares

2018-11-01 00:00:00
A+ A-

Uma caminhada no final da tarde do dia 20 de janeiro de 2016 seria mais uma singela tarefa do cotidiano da estudante universitária Karol Álvares, que havia completado 19 anos de idade semanas antes. No meio do caminho, marginais transformaram o fim de tarde ensolarado de verão num sombrio início de noite. Por um aparelho celular que era utilizado por Karol Álvares como player de músicas durante a caminhada que era feita ao lado da irmã mais nova, os bandidos tiraram-lhe, além do aparelho, o que ela tinha de mais valioso: a vida.

Outros vídeos